Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Quinta-feira, Agosto 5, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Tomar: Câmara garante que frota de ambulâncias voltou à normalidade

A presidente da Câmara de Tomar, Anabela Freitas, referiu na reunião de executivo camarário de 7 de dezembro que, à excepção de uma viatura que precisa de um novo motor, “todas as ambulâncias da corporação municipal se encontram operacionais”. Neste momento, são oito os veículos que se encontram afectos aos Bombeiros Municipais de Tomar embora esteja prevista, para breve, a aquisição de uma nova viatura.

- Publicidade -

medio tejo IMG_0766
Assunto foi abordado na reunião de executivo de 7 de dezembro

A indicação foi dada no início da reunião pública –  antes do período antes da ordem do dia – em resposta à situação que se verificou na passada semana: duas ambulâncias dos bombeiros de Tomar avariaram quase em simultâneo e uma terceira, do Instituto Nacional de Emergência Médica – estava retida em Lisboa a aguardar peças para ser arranjada. O comandante da corporação, Carlos Gonçalves disse, na ocasião, ao mediotejo.net que a paragem das viaturas limita o trabalho da corporação mas garantia, simultaneamente, que o socorro às populações não estava comprometido,

- Publicidade -

“Nesta altura todas as ambulâncias do Corpo de Bombeiros de Tomar estão operacionais, com excepção de uma que se encontra nos pavilhões da FAI”, começou por referir a autarca socialista. “Essa ambulância precisa de um novo motor, pelo que os serviços municipais estão à procura no mercado dessa peça para aquela viatura”, esclareceu Anabela Freitas.

Entretanto, anunciou a autarca, “uma nova ambulância deverá chegar em breve”, dado que já foi aprovado o contrato de leasing aprovado para aquisição da mesma. Depois de ter sido aprovado em Assembleia Municipal, o processo foi encaminhado sendo que a viatura adquirida já está na empresa que procede à sua transformação” para ser entregue aos bombeiros de Tomar. “Chegada esta nova ambulância, uma das viaturas será “abatida porque elas estão num estado muito velho”, disse a autarca.

O vereador do PSD, João Tenreiro, referiu que a situação que aconteceu não se devia voltar a repetir e que devia existir um maior cuidado na gestão da frota das ambulâncias dos bombeiros. Uma crítica que não foi bem aceite pela presidente da autarquia, Anabela Freitas, que fez questão de lembrar que, durante os 16 anos de gestão do PSD, não foi adquirida nenhuma ambulância, sendo que atualmente está a ser comprada uma viatura por ano.

João Tenreiro ripostou, relembrando que os Bombeiros Municipais de Tomar foram  reforçados com duas novas viaturas, em Setembro de 2013 – poucos dias antes de Anabela Freitas ter ganho as eleições – com um veículo de socorro e assistência tático (VSAT) e uma ambulância, num investimento global de 181 mil euros mais IVA.

Aos 12 anos já queria ser jornalista e todo o seu percurso académico foi percorrido com esse objetivo no horizonte. Licenciada em Jornalismo, exerce desde 2005, sempre no jornalismo de proximidade. Mãe de uma menina, assume que tem nas viagens a sua grande paixão. Gosta de aventura e de superar um bom desafio. Em maio de 2018, lançou o seu primeiro livro de ficção intitulado "Singularidades de uma mulher de 40", que marca a sua estreia na escrita literária, sob a chancela da Origami Livros.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome