Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Domingo, Agosto 1, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Tomar apresenta em Telavive aplicação móvel desenvolvida para a Festa dos Tabuleiros

A presidente da Câmara Municipal de Tomar vai apresentar hoje, na 30.ª edição da International Mayors Conference, em Telavive, Israel, a aplicação móvel “Smarter Fest”, usada na última Festa dos Tabuleiros para ajudar os visitantes, nomeadamente, a encontrar estacionamento.

- Publicidade -

Anabela Freitas disse à agência Lusa que será a única presidente de câmara a intervir num encontro de “Smart Cities”, dedicado à apresentação, sobretudo por parte de empresas, de contributos para a criação de cidades inteligentes.

A conferência internacional de presidentes de câmara, na qual Tomar participa pela primeira vez, é organizada pelo American Council for World Jewry, pelo American Jewish Congress e pelo Ministério dos Negócios Estrangeiros de Israel, reunindo, desde domingo, “lugares fortemente marcados pela herança judaica”.

- Publicidade -

Anabela Freitas disse à Lusa que, na sua comunicação, a par da apresentação da aplicação móvel, será mostrado um vídeo promocional de Tomar, salientando que a Sinagoga da cidade é o segundo monumento mais visitado logo a seguir ao Convento de Cristo, que é Património da Humanidade.

O projeto “Smarter Fest” foi desenvolvido pelo Instituto Politécnico de Tomar, em colaboração com a empresa SoftINSA, do grupo IBM, e com as forças de segurança PSP e GNR, bem como com a proteção civil municipal, com o objetivo de melhorar as condições de acesso e segurança num evento que, de quatro em quatro anos, atrai milhares de pessoas à cidade.

No âmbito do projeto foram criados dois centros inteligentes de operações para ajudar as autoridades de segurança a tomarem decisões em frações de segundo, disponibilizando, na aplicação móvel, informação útil aos visitantes, com o programa da festa, a localização dos parques de estacionamento e os diversos acessos à cidade.

Anabela Freitas disse à Lusa que um dos objetivos desta sua deslocação a Israel é também conseguir chegar ao mercado turístico norte-americano, divulgando a herança templária e judaica de Tomar, de que são os maiores símbolos o Convento de Cristo e a Sinagoga, antigo local de culto, encerrado no final do século XV, que alberga o Museu Luso-Hebraico Abraão Zacuto e é monumento nacional desde 1921.

Em setembro, a autarca presidiu, na qualidade de presidente da Assembleia Geral da Rede de Judiarias de Portugal, aos trabalhos da primeira cimeira luso-espanhola das redes de judiarias, realizada em Córdoba por ocasião dos 700 anos da Sinagoga daquela cidade espanhola.

Em 2014, Tomar esteve representada com a sua Sinagoga na Feira Internacional de Turismo de Telavive, no âmbito da participação da Rede de Judiarias de Portugal promovida pela Entidade de Turismo do Centro.

 

Agência de Notícias de Portugal

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome