Tomar | Ano 2018 com quase 350 mil visitantes no Convento de Cristo

Convento de Cristo, Tomar. Foto: DR

Depois de um ano 2017 que bateu o recorde em termos de turistas, os primeiros dados estatísticos, ainda não oficiais, revelam que em 2018 houve uma ligeira quebra no número de visitantes no Convento de Cristo em Tomar. O ano terminou com um total de 348.510 entradas, menos 6.253 do que no ano anterior, o que equivale a um decréscimo de cerca de 2 por cento.

PUB

Em 2017 foram 354.763 os turistas que visitaram o único monumento classificado património mundial e o mais visitado na nossa região. Tratou-se de um recorde já que nunca tantos tinham visitado o Convento de Cristo, isto num ano em que se assistiu a um “boom” do turismo a nível nacional.

Foi a primeira vez que os museus, monumentos e palácios, tutelados pela Direção-Geral do Património Cultural (DGPC) ultrapassaram os cinco milhões de visitantes, sendo que em 2016 estes espaços tinham recebido mais de 4,6 milhões de pessoas.

PUB

A liderar as estatísticas está o Mosteiro dos Jerónimos, em Lisboa, com mais de um milhão de entradas. Segue-se a Torre de Belém com mais de meio milhão de turistas e depois o Mosteiro da Batalha, o Palácio Nacional de Mafra e o Convento de Cristo.

Segundo dados da Direção-Geral do Património Cultural, entidade que tutela o Convento de Cristo, de 2012 a 2017, o número de visitantes a este monumento quase duplicou. Em 2012 foi visitado por 183.027 pessoas e esse número aumentou para 354.763 em 2017, um aumento de 93,8 por cento.

Mais visitantes no Museu dos Fósforos

No Museu dos Fósforos, espaço da responsabilidade do Município de Tomar, localizado no Convento de S. Francisco, junto à Várzea Grande, registou-se um aumento do número de visitantes.

De acordo com as estatísticas do espaço museológico, foram 14.970 os visitantes em 2018, dos quais 10.982 portugueses e 3.988 estrangeiros. Abril e julho foram os meses que registaram maior número de visitantes. Em relação ao ano anterior o aumento ronda os 8 por cento. Em 2017 o espaço museológico foi visitado por 13.821 pessoas, mais cerca de 9 por cento do que em 2016 (12.680).

O Museu dos Fósforos reúne cerca de 40 mil caixas de fósforos diferentes, espólio doado nos anos 80 à Autarquia por Aquiles da Mota Lima.

Com a Sinagoga de Tomar fechada para obras durante quase todo o ano 2018, o número de visitantes a este monumento judaico foi residual uma vez que só reabriu a 9 de novembro, sendo visitável apenas a sala principal.

PUB

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).

PUB

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here