Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Sábado, Julho 31, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Tomar: Anabela Freitas promete lutar para que A13 seja mais barata

Após a medida tomada pelo atual governo de António Costa, que dita a entrada em vigor do desconto de 15% nas portagens em algumas auto-estradas do país, ficou a saber-se que a A13 não faz parte do lote com direito a descontos para os utilizadores. Apesar de não ser  considerada como “ex-scut”, esta estrada – que abrange os concelhos de Tomar, Vila Nova da Barquinha, Ferreira do Zêzere ou Sertã, não oferece alternativas para os os cidadãos que residem nas áreas abrangidas.

- Publicidade -

Por este motivo, o assunto da A13 já foi abordado quer pelo executivo camarário de Tomar quer pela assembleia municipal no sentido da A13 também merecer descontos.

Questionada pelo medio.tejo.net, a presidente da autarquia nabantina, Anabela Freitas refere que ainda não desistiu desses intentos e que, em setembro próximo, a autarquia irá pressionar o Governo para que seja mais barato circular na A13.

- Publicidade -

“Este é um dossier que não está, de todo, fechado. Temos as posições que foram tomadas, quer em reunião de Câmara, quer na assembleia municipal e vamos pressionar. Sabemos que a A13 não é uma ex-SCUT mas entendo que é uma das mais  das mais caras do país, sendo que é uma via estruturante para um conjunto de concelhos”, considerou, acrescentando que em setembro irá ser enviado um pedido formal à tutela para que as portagens nesta via sejam analisadas e, posteriormente, reduzidas.

Foto: Tintafresca.net

Aos 12 anos já queria ser jornalista e todo o seu percurso académico foi percorrido com esse objetivo no horizonte. Licenciada em Jornalismo, exerce desde 2005, sempre no jornalismo de proximidade. Mãe de uma menina, assume que tem nas viagens a sua grande paixão. Gosta de aventura e de superar um bom desafio. Em maio de 2018, lançou o seu primeiro livro de ficção intitulado "Singularidades de uma mulher de 40", que marca a sua estreia na escrita literária, sob a chancela da Origami Livros.

- Publicidade -
- Publicidade -

1 COMENTÁRIO

  1. Estou farto de dizer e de escrever que os troços da A23 entre a A1 e Abrantes e da A13 entre a Atalaia e Tomar nunca deveriam ter sido portajados porque foram construidos pela antiga JAE e nunca deveriam ter sido oferecidos à SCUTVIAS e à ASCENDI e até porque são corredores imprescindiveis para os utentes, trabalhadores e serviços do CHMT (Hospitais de Abrantes, Tomar e Torres Novas) que têm que circular entre os 3 Hospitais. E aqui os Presidentes de Câmara deste chamado Médio Tejo há muito que se deviam ter unido para defender os seus municipios e acima de tudo os seus municipes até conseguirem que os pórticos sejam retirados. Agora quanto aos descontos, nem falo disso, porque é um assunto que não merece discussão.

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome