Tomar | Ana Laíns dá espetáculo no Parque do Mouchão

Ana Laíns atua este sábado em Tomar. Foto arquivo: Glam Magazine| Arlindo Homem

A artista Ana Laíns, a festejar 20 anos de carreira musical, vai atuar este sábado, dia 12 de setembro, às 22:00, no Parque do Mouchão, em Tomar. O espetáculo, de entrada gratuita, está inserido no projeto Tomar ComVida (www.tomarcomvida.com), iniciativa cultural que abrange 65 espetáculos e decorre até ao dia 26 de setembro.

PUB

A lotação máxima é de 200 lugares sentados e os ingressos disponíveis podem ser levantados à entrada do recinto, a partir das 19:30. O levantamento é gratuito e obrigatório, e decorre também de segunda a sexta-feira, para os próximos espetáculos, das 9:30 às 18:00, no Posto de Turismo junto à Mata (limite de 4 bilhetes por pessoa) e no próprio dia, à entrada do recinto, a partir das 19h30.

O projeto Tomar ComVida envolve 65 espetáculos, e decorre desde 26 de junho e até ao próximo dia 26 de setembro, no Jardim do Mouchão e na Praça da República, aos fins de semana. O programa cultural foi desenvolvido pelo município e várias empresas que, no concelho, operam na área da cultura/entretenimento para apoiar os setores da cultura e do comércio e restauração, afetados pela pandemia de covid-19.

PUB
Ana Laíns assinalou 20 anos de carreira no salão Preto e Prata. Fotos: Glam Magazine| Arlindo Homem

Ana Laíns cantou pela primeira vez em público aos 6 anos em Constância, concelho onde cresceu, e em 1999 venceu a Grande Noite do Fado de Lisboa, quando decidiu enveredar por uma carreira artística, com atuações de norte a sul do país, além de palcos no estrangeiro onde tem atuado com regularidade.

Em 2006, saiu o seu primeiro o álbum, “Sentidos”, em que gravou, entre outros, poemas de Florbela Espanca, António Ramos Rosa, e com o qual fez uma digressão que passou pela Bélgica, Países Baixos, Rússia e Grécia.

PUB

Em 2010, a convite de Boy George, gravou o tema “Amazing Grace”, que fez parte do álbum “Ordinary Aklien” (2011) do britânico.

Também em 2010 saiu o álbum “Quatro Caminhos”, em que se estreou como letrista. Também nesse ano participou em dois temas do álbum “Catavento”, de Beto Betuk.

Em 2017, saiu o álbum “Portucalis”, no qual contou com a participação de Luís Represas, entre outros músicos.

Em comunicado, a Câmara de Tomar explica que o programa surgiu de uma necessidade de “retomar a prática cultural e de entretenimento da cidade, e de apoiar não só o setor da cultura e entretenimento local, mas também o da economia local, nomeadamente o comércio e a restauração”.

O município destaca que todo o projeto foi desenvolvido de acordo com as regras de segurança estabelecidas pela Direção-Geral da Saúde (DGS), cujas orientações estão disponíveis na página da autarquia na internet.

PUB

“Também para garantir a segurança e o distanciamento recomendado, a lotação máxima no Jardim do Mouchão será de 200 lugares sentados e na Praça da República de 100 lugares sentados. Em ambos os locais os lugares serão numerados correspondendo, de forma intransmissível, ao portador do ingresso”, é referido.

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).

pub

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here