Domingo, Fevereiro 28, 2021
- Publicidade -

Tomar | A arte e história “since 1160” em exposição no dia de Tomar

Duas exposições, uma sobre história e outra artística, foram inauguradas no dia de Tomar, 1 de março, no âmbito das comemorações do dia da cidade.

- Publicidade -

Apesar de estar um dia cinzento, os tomarenses aproveitaram o dia para sair à rua e participar nas atividades comemorativas, ir às compras nas várias lojas que estavam abertas ou relaxar e conviver nos cafés da cidade.

Tomar: Um século de história nas montras da Corredoura

- Publicidade -

A exposição “Thomar since 1160”, integrada nas comemorações do dia de Tomar, 1 de março, é este ano dedicada à imprensa nabantina.

A iniciativa começou em 2016 com uma exposição de cartazes antigos (dos anos 20 aos anos 60). Se há um ano eram apenas 12 quadros, este ano foi alargada para 35 quadros noutras tantas montras do comércio na principal artéria do centro histórico da cidade, a Corredoura, rua Serpa Pinto.

Em cada quadro são reproduzidas, de forma temática, notícias e anúncios publicadas na imprensa local de 1879 a 1979.

É um século da história de Tomar que se pode visitar através dos recortes de jornais desde a publicação do primeiro jornal tomarense, A Emancipação, em 1879.

Eduardo Mendes, professor de história e coordenador da exposição, foi o guia da visita ao longo das 35 montras na Corredoura. Na cerimónia de inauguração, agradeceu aos comerciantes pela adesão e recetividade à iniciativa “Thomar since 1160”.

Visita guiada ao longo das montras da Corredoura (Foto: José Gaio)

Realçou a imprensa local “como repositório da nossa história coletiva” e lançou o desafio para que a exposição fizesse uma itinerância pelos agrupamentos escolares e pela biblioteca.

O trabalho exposto foi facilitado pelo projeto Memória Digital de Tomar (www.mdthomar.ipt.pt) que se socorre do acervo da biblioteca municipal.

A presidente da Câmara Municipal de Tomar, Anabela Freitas, começou por fazer um elogio público ao Agrupamento de Escolas Nuno de Santa Maria que teve a ideia da exposição. Para a autarca o projeto é para continuar sempre integrado nas comemorações do Dia da Cidade.

Dado o caráter pedagógico da exposição, Anabela Freitas aceitou o desafio da itinerância e propôs que os quadros percorressem também as 11 freguesias porque “é a história de todos nós”.

Intervieram ainda o presidente da Junta Urbana, Augusto Barros, o presidente da Associação de Comerciantes ACITOFEBA, Francisco Faria, e a diretora do Agrupamento de Escolas Nuno de Santa Maria, Celeste Sousa.

O grupo que participou no ato inaugural percorreu depois a Corredoura para cima e para baixo observando os quadros com os recortes de imprensa expostos nas montras.

Na montra do café Paraíso está um quadro alusivo ao centenário café (Foto: José Gaio)

O guia, Eduardo Mendes, ia explicando e contextualizando os vários quadros que tratavam de temas como o rio Nabão, café Paraíso, política, televisão, educação, feira de Santa Iria, toponímia, Festa dos Tabuleiros e eletricidade (Tomar foi a quinta cidade do país a ter eletricidade).

Se através de alguns recortes de notícias e anúncios esboçamos um sorriso, noutros casos sentimos um murro no estômago, como aqueles chocantes (um publicado em 1894 e outro em 1959) em que os pais anunciam dar crianças para adoção. Ou o anúncio do médico José Tamagnini que reservava uma hora por dia para “atendimento gratuito aos pobres”.

A exposição “Thomar since 1160”, iniciativa do Agrupamento de Escolas Nuno de Santa Maria, em parceria com o Município e a ACITOFEBA, pode ser visitada até dia 8 de março.

As cores da pintura artística a contrastar com o dia cinzento

Na antiga moagem de Tomar, agora Complexo Cultural da Levada, foi inaugurada no dia de Tomar a exposição de pintura e escultura “13 Luas – coletivo de artistas”.

Inauguração da exposição coletiva na antiga moagem (Foto: José Gaio)

Reúne as obras de 10 artistas plásticos da região cujas obras podem ser apreciadas nos quatro pisos da antiga moagem. Participam nesta exposição coletiva Antero Guerra, Carlos Vicente, Claire O’Hea, João Alfaro, João Carvalho, Luís Filipe Brito, Luís de Sá, Luís Veiga, Sam Abercromby e Saúl Roque Gameiro.

No ato inaugural, a presidente da Câmara Municipal de Tomar, Anabela Freitas, lançou o desafio para que a iniciativa se repetisse no próximo ano.

A exposição pode ser visitada de quarta a domingo, das 14 às 17 horas, até 31 de março.

A exposição pode ser visitada até 31 de março (Foto: José Gaio)

Ganhou o “bichinho” do jornalismo quando, no início dos anos 80, começou a trabalhar como compositor numa tipografia em Tomar. Caractere a caractere, manualmente ou na velha Linotype, alinhavava palavras que davam corpo a jornais e livros. Desde então e em vários projetos esteve sempre ligado ao jornalismo, paixão que lhe corre nas veias.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).