Quarta-feira, Março 3, 2021
- Publicidade -

Sertã | Teresa Salgueiro no vasto programa da Romaria de São Nuno de Santa Maria

O primeiro centenário da beatificação de São Nuno de Santa Maria é comemorado em Cernache do Bonjardim, entre os dias 27 e 29, com um programa que junta cultura, cerimónias e uma mostra de produtos regionais. Entre os artistas da romaria dedicada ao militar nascido no concelho encontra-se a cantora Teresa Salgueiro, que atua às 21h30 desta sexta-feira na Igreja do Seminário das Missões.

- Publicidade -

A música continua no sábado com a animação ao ar livre de BackYard (14h00), que também participa na pintura do mural no Pavilhão Desportivo Fernando Vaz Serra e no workshop com alunos do concelho (10h00). Há mais ritmo ao longo do dia com o Grupo de Concertinas da Sertã (18h00), o Grupo Seca Adegas (18h45) e o Grupo de Música Popular de Cernache do Bonjardim (19h30) a percorrerem as ruas e a banda “Sem Filtro” a atuar no Seminário das Missões (23h00).

No dia seguinte, domingo, a animação musical começa na arruada da Associação “Os Tambores de Casal da Madalena” (10h00). Segue depois pelas ruas da vila no cortejo em que participa a Sociedade Filarmónica Aurora Pedroguense (11h00) e marca o último momento da Romaria de São Nuno de Santa Maria com a atuação dos “Minhotos Marotos” no Seminário das Missões (21h30).

- Publicidade -

O teatro também integra o programa comemorativo e para dia 28 estão anunciadas a Recriação Histórica da Vida de São Nuno de Santa Maria (20h00), assim como a apresentação de “O Busto” pela Academia de Teatro do IVS (21h30), ambos no recinto do Seminário das Missões. O mesmo local também recebe a dança no domingo durante o Festival de Folclore.

São Nuno de Santa Maria é homenageado em diversos momentos culturais, escutistas, militares e religiosos. Foto: DR

Antes de seguirem para lá, onde sobem ao palco, os grupos convidados da 35ª edição da iniciativa organizada pelo Rancho Folclórico e Etnográfico de Cernache do Bonjardim são recebidos no Auditório da União de Freguesias, às 15h00. Segue-se um desfile pela vila, meia-hora mais tarde, e as atuações têm início às 16h00.

O programa de três dias também inclui iniciativas escutistas que prestam homenagem a São Nuno de Santa Maria, Patrono do Corpo Nacional de Escutas. A primeira é a cerimónia do CNE – Agrupamento 170 e 721, que tem lugar na Rua dos Pinheiros às 20h30 de dia 27, e a segunda a atividade Regional CNE – Região de Portalegre e Castelo Branco, que tem início às 09h00 de dia 29 no Pavilhão Desportivo. A última também evoca o patrono mundial São Jorge.

Durante o fim-de-semana decorre a Mostra de Produtos Regionais, que abre ao público às 14h00 de sábado e às 13h00 de domingo, e partilha o programa de domingo com as cerimónias militares e a homenagem prestada junto à estátua de D. Nuno Álvares Pereira a partir das 10h15.

Os momentos religiosos têm realizam-se nos dois dias, começando no sábado com o Encontro Diocesano de Catequistas da Diocese de Portalegre – Castelo Branco no Centro Paroquial de Cernache do Bonjardim (09h30) Eucaristia presidida pelo Bispo da Diocese de Portalegre na Igreja Matriz de Cernache do Bonjardim (16h00). No último dia, a Igreja do Seminário das Missões recebe uma Missa de Ação de Graças a São Nuno de Santa Maria (12h00).

Nasceu em Vila Nova da Barquinha, fez os primeiros trabalhos jornalísticos antes de poder votar e nunca perdeu o gosto de escrever sobre a atualidade. Regressou ao Médio Tejo após uma década de vida em Lisboa. Gosta de ler, de conversas estimulantes (daquelas que duram noite dentro), de saborear paisagens e silêncios e do sorriso da filha quando acorda. Não gosta de palavras ocas, saltos altos e atestados de burrice.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
O seu nome

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).