Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -
Domingo, Setembro 26, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Sertã | Presidente da Câmara garante novo Raio-X e dois médicos para o Centro de Saúde

A saúde no concelho da Sertã foi um dos temas abordados na sessão da Assembleia Municipal realizada no dia 30 de junho, por videoconferência. Questionado pelos eleitos, o presidente da Câmara assegurou a chegada de um novo equipamento de Raio-X e de dois médicos para servir as populações das freguesias de Cernache do Bonjardim, Nesperal e Palhais e de Várzea dos Cavaleiros.

- Publicidade -

- Publicidade -

O assunto foi abordado no período de antes da ordem do dia pelo deputado Municipal António Antunes Xavier (PS) que considerou “inadmissível” o facto de o aparelho de Raio-X do centro de saúde da vila estar avariado há quatro meses.

Já anteriormente, na Assembleia da República, o deputado Moisés Ferreira, do Bloco de Esquerda, tinha apresentado uma pergunta sobre o mesmo equipamento.

- Publicidade -

Na Assembleia Municipal, em resposta ao eleito do PS, o presidente da Câmara, José Farinha Nunes (PSD) explicou que o atraso se deve à aquisição de um equipamento mais sofisticado para dar resposta às necessidades.

“Chegou-se à conclusão que o computador que estava previsto inicialmente não era suficiente para as valências que se pretende no centro de saúde da Sertã. O equipamento colocado a concurso não era suficiente para dar respostas a todas a valências”, explicou Farinha Nunes, que adiantou haver um atraso de “pelo menos três semanas” para a aquisição de um equipamento mais sofisticado.

Sobre a falta de médicos nas freguesias de Cernache do Bonjardim, Nesperal e Palhais e de Várzea dos Cavaleiros, o autarca revelou que “está previsto ser reforçado com um médico em cada freguesia, provisoriamente, com recurso a prestadores de serviços”.

“Depois vão abrir concursos, vamos ver se há alguém interessado em ser colocado aqui no centro de saúde da Sertã”, adiantou.

Farinha Nunes aproveitou para falar das atuais instalações do Centro de Saúde. “A saúde sempre foi um problema no concelho da Sertã desde os tempos em que nós queríamos construir um centro de saúde novo, para não termos agora de o ampliar”, notou, tendo assegurado que o projeto de ampliação está concluído e aprovado, havendo já verba para executar a obra.

Ganhou o “bichinho” do jornalismo quando, no início dos anos 80, começou a trabalhar como compositor numa tipografia em Tomar. Caractere a caractere, manualmente ou na velha Linotype, alinhavava palavras que davam corpo a jornais e livros. Desde então e em vários projetos esteve sempre ligado ao jornalismo, paixão que lhe corre nas veias.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome