Sábado, Fevereiro 27, 2021
- Publicidade -

Sertã organiza maratona de leitura global com 24 horas a ler

Dezenas de escritores, atores, bibliocarros e contadores de histórias vão participar na sexta edição da maratona da leitura da Sertã, atividade que vai decorrer ininterruptamente durante 24 horas no concelho, a partir das 10:00 de sábado.

- Publicidade -

A Maratona da Leitura – 24 Horas a Ler é “um certame cultural de promoção da leitura que mais mexe com as dezenas de aldeias e vilas da Sertã e da zona Centro do País, e que tem contribuído para afirmar o concelho como polo dinamizador de manifestações deste tipo, mostrando ao país que no Interior a cultura também acontece”, disse à agência Lusa Cláudia André, Vereadora da Câmara Municipal da Sertã, entidade responsável por esta iniciativa.

A Maratona da Leitura – 24 Horas a Ler terá início às 10 horas de sábado, dia 1 de julho, e prolonga-se até à mesma hora do dia seguinte, e vai ser “transmitida para todo o mundo via internet, por Skype”, disse ainda aquela responsável do município da Sertã, no distrito de Castelo Branco, tendo afirmado que o objetivo é “desafiar todos os leitores a ler em voz alta, durante alguns minutos, obras dos seus escritores preferidos e também alusivas a Nuno Álvares Pereira, que nasceu em Cernache do Bonjardim”, figura em destaque na edição deste ano.

- Publicidade -

“O ano passado a iniciativa deu um salto qualitativo assinalável, e temos escritores que fazem questão de vir de um ano para o outro, sendo que este ano vamos ter connosco o Valter Hugo Mãe, Miguel Real, Jaime Nogueira Pinto, Aires do Nascimento e José Eduardo Franco, entre outros, 14 bibliotecas móveis que vêm de norte a sul do país e vão percorrer algumas das nossas aldeias, para além de 10 contadores de histórias e leitura encenada em locais inusitados, em sítios mágicos e no meio da natureza, e outras performances culturais em torno da leitura, ao longo de 24 horas consecutivas”, destacou Cláudia André.

No programa de atividades paralelas, contam-se as várias tertúlias literárias com os convidados presentes, um espetáculo leitura de leitura encenada, a estreia de uma peça de teatro e a exibição de diversos filmes alusivos a Nuno Álvares Pereira. Destaque ainda para o evento Festas na Aldeia, em que mais de 20 aldeias do município da Sertã serão visitadas por Bibliotecas Itinerantes provenientes de vários pontos do país. Cada uma será acompanhada por um Contador de Histórias profissional que, à chegada a cada local, realizará uma sessão de contos para a comunidade, num ambiente festivo preparado para o efeito.

O lançamento de um livro, que reunirá textos dos vários escritores presentes, integra ainda a Maratona da Leitura, decorrendo no mesmo dia a inauguração de uma exposição de banda desenhada sobre Nuno Álvares Pereira. Decorrerá ainda uma feira do livro e existirão diversos quiosques de leitura espalhados por todo o concelho.

O evento, que conta com um investimento global na ordem dos 20 mil euros, “gera retorno muito maior do que o investimento efetuado”, destacou a responsável pela Cultura na Sertã, tendo referido uma “grande logística, com centenas de pessoas a participar, a organizar e a promover” um evento que vai “tocar dezenas de aldeias e vilas” de um território com 16 mil habitantes e mais de 300 pequenas localidades.

O evento é o “ponto alto” de iniciativas que decorrem ao longo de todo o ano naquele município com “réplicas de minimaratonas de promoção da leitura nas escolas, casas de cultura e bibliotecas”, sendo dirigidas a todas as faixas etárias e estratos sociais.

“Afirmar o nosso concelho com polo agregador de cultura, ao nível do livro e da promoção da leitura, mas também ao nível musical, teatral e artístico é o grande propósito destas iniciativas” frisou.

Agência de Notícias de Portugal

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).