PUB

Sertã | Município mantém autorização para feiras e mercados de levante

Através de um despacho publicado nesta sexta feira, dia 8 de janeiro, o Presidente da Câmara Municipal da Sertã autoriza a realização de feiras e mercados de levante no concelho da Sertã nesta fase em que foi prorrogado o estado de emergência.

PUB

A decisão mereceu o parecer favorável da Delegada de Saúde do ACESPIS – Agrupamento do Centro de Saúde da Beira Interior Sul após vistoria das feiras e mercados de levante do concelho da Sertã pelo Delegado de Saúde Ambiental.

“O despacho produz efeitos imediatos, podendo ser alterado em função da evolução da situação epidemiológica, de acordo com as determinações que venham a ser adotadas a nível nacional”, lê-se no documento.

PUB

Desde a sua reabertura, as feiras e mercados do concelho da Sertã, têm funcionado no estrito cumprimento das normas e orientações definidas pela DGS, garante a autarquia que destaca a “inquestionável função económica e social deste setor retalhista para as localidades e para os cidadãos, o qual representa um importante apoio ao desenvolvimento da economia local”.

O concelho da Sertã, devido ao grave aumento de casos Covid-19 no concelho nas últimas duas semanas, foi considerado pela DGS como sendo um concelho de risco muito elevado.

PUB
PUB
José Gaio
Ganhou o “bichinho” do jornalismo quando, no início dos anos 80, começou a trabalhar como compositor numa tipografia em Tomar. Caractere a caractere, manualmente ou na velha Linotype, alinhavava palavras que davam corpo a jornais e livros. Desde então e em vários projetos esteve sempre ligado ao jornalismo, paixão que lhe corre nas veias.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).