- Publicidade -
Terça-feira, Janeiro 18, 2022
- Publicidade -

Sertã | Município distribui equipamento de proteção a várias entidades

Prevenção é o objetivo principal da distribuição pelo Município da Sertã de diverso equipamento de proteção individual assim como detergentes e soluções alcoólicas de desinfeção a várias entidades do concelho. O equipamento de proteção individual entregue nas últimas semanas abrange 7600 máscaras (de três tipologias diferentes), 2675 luvas (de duas tipologias), 160 fatos de proteção e 550 viseiras.

- Publicidade -

- Publicidade -

A distribuição e entrega deste material tem como objetivo “equipar profissionais de proteção civil, de instituições de solidariedade social e de outras entidades, para fazer face à pandemia de Covid19, atuando na prevenção e minimização de contágio”, informa a autarquia em nota de imprensa.

A câmara realça que as 550 viseiras entregues foram fabricadas e cedidas gratuitamente pelo SerQ – Centro de Inovação e Competências da Floresta, na Sertã. A Comunidade Intermunicipal do Médio Tejo cedeu 2200 luvas, 3059 máscaras, 30 fatos de proteção e os Bombeiros Voluntários do Sardoal ofereceram dois fatos de bombeiros. Todo o restante material entregue a entidades do concelho foi adquirido pela Câmara Municipal da Sertã.

- Publicidade -

O equipamento de proteção foi distribuído nas últimas semanas a diversas entidades do concelho da Sertã, nomeadamente às juntas e uniões de freguesia, Centro de Saúde Sertã, Bombeiros Voluntários de Cernache do Bonjardim, Bombeiros Voluntários da Sertã, Guarda Nacional Republicana, Serviço Local de Segurança Social, APPACDM Sertã – Associação Portuguesa de Pais e Amigos do Cidadão Deficiente Mental, Agrupamento de Escolas da Sertã, Aproflora e Rádio Condestável.

Foi também distribuído material de proteção individual aos funcionários da Câmara Municipal da Sertã e às IPSS – Instituições Particulares de Solidariedade Social: Centro de Assistência Social do Cabeçudo, Centro de Apoio à Terceira Idade de Santa Ana, Centro Social Nossa Senhora da Confiança, Centro Social Nossa Senhora da Assunção, Centro Social Cultural e Desportivo do Marmeleiro, Centro Social e Bem Estar da Várzea dos Cavaleiros, Associação Social e Cultural da Freguesia do Figueiredo, Centro de Assistência do Troviscal, Santa Casa da Misericórdia da Sertã e Centro de Assistência São Nuno de Santa Maria.

- Publicidade -

Ganhou o “bichinho” do jornalismo quando, no início dos anos 80, começou a trabalhar como compositor numa tipografia em Tomar. Caractere a caractere, manualmente ou na velha Linotype, alinhavava palavras que davam corpo a jornais e livros. Desde então e em vários projetos esteve sempre ligado ao jornalismo, paixão que lhe corre nas veias.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome