Sertã | ‘moovOn’ quer pôr território a mexer com novos atrativos de turismo de Bem-estar

Foto: mediotejo.net

Foi realizada a primeira sessão do “moovOn” no concelho da Sertã, desta feita no Clube Bonjardim, em Cernache do Bonjardim, dedicado ao ‘Turismo de Bem-Estar no Médio Tejo’, uma ação dirigida a agentes económicos e/ou potenciais empreendedores interessados no desenvolvimento de novas apostas turísticas na fileira das atividades de Bem-Estar mental, físico e espiritual. Serão realizadas duas sessões em fileiras diferentes em vários concelhos com apoio dos Grupos de Ação Local do Médio Tejo em parceria com a CIMT.

PUB

A sessão, dinamizada sob o formato de workshop pela empresa parceira da CIMT, a IDTOUR, contou com 6 participantes no dia 10 de janeiro, guiados numa contextualização e apresentação das potencialidades do território e das oportunidades, levando à reflexão de cada participante sobre como poderiam “pôr o território a mexer ainda mais”, explicou Nuno Lopes, diretor de operações da IDTOUR, empresa spin-off da Universidade de Aveiro.

Nuno Lopes referiu que esta ação se orienta para “quem já está na atividade ou para quem já está se está a preparar para entrar numa lógica de turismo de bem-estar” em áreas como “spa, wellness, de natureza, de caminhadas, de retiros, yoga, dimensão de espiritualidade do corpo e da mente num território feito de interfaces em toda a região”, levando os intervenientes a “pensar como pode ser melhor promovido e captar mais visitantes, que é este o fim último”.

PUB

A seleção das sessões atribuídas aos vários concelhos por fileiras advém de uma “pré-análise” feita a unidades hoteleiras e alojamento que têm expressão na região.

Nuno Lopes, da IDTOUR, durante a sessão com os agentes convidados, na sala de sócios do Clube Bonjardim, em Cernache do Bonjardim. Esta foi a primeira sessão dinamizada em parceria com a Pinhal Maior, no concelho da Sertã, na ação ‘moovOn’ – Laboratórios de Empreendedorismo Turístico da CIMT. Foto: mediotejo.net

Estas sessões de trabalho com os agentes económicos pretendem “provocar a pensar e refletir sobre o turismo na generalidade, e depois trabalhar um pouco o tema em si, caso do Bem-estar”, incluindo “uma lógica de partilha” entre os participantes e que leve cada um a repensar o seu negócio e onde pode melhorá-lo.

Nesse sentido, à semelhança do que sucedera com a ação “moovIdeias”, haverá uma “ferramenta de mentoria”, pela empresa B’Ten, “para os participantes que queiram desenvolver uma uma nova marca, um novo produto ou simplesmente introduzir um novo segmento turístico na sua oferta”.

PUB

Durante a sessão, num primeiro momento de contextualização, Nuno Lopes e José Mendes, da IDTOUR, trouxeram alguns dados de análise do território em termos de aproveitamento turístico. Sertã foi referido como um concelho que é “bom exemplo no âmbito da estada média”, seguindo-se os concelhos, com maior representatividade entre 2016/2017, de Ferreira do Zêzere, Vila de Rei, Torres Novas, Alcanena, Ourém e Abrantes, tendo sido contabilizados 93 agentes turísticos e 41 agências de viagens na região do Médio Tejo.

O ‘moovOn’ é uma iniciativa integrada no projeto “Médio Tejo – Vive o Empreendedorismo” e define-se como um espaço de incentivo ao empreendedorismo turístico e ao debate e reflexão setorial sobre as oportunidades e constrangimentos de empreender em turismo na região do Médio Tejo.

Esta ação é dirigida a empresários e/ou a potenciais empreendedores interessados no desenvolvimento de atividades empresariais turísticas, em vários segmentos, constituindo uma oportunidade para refletir sobre os desafios de empreender numa atividade económica complexa mas muito relevante para a economia regional e nacional, sobre a importância do trabalho em rede nesta atividade, entre outros temas relevantes à dinamização do setor.

Foto: mediotejo.net

A primeira sessão desta ação decorreu numa unidade hoteleira em Tomar, junto à albufeira de Castelo de Bode, a 13 de novembro, reunindo participantes com interesse ou integrados na fileira do Turismo Náutico, tendo-se realizado outra sessão em Ourém ligada ao segmento do Enoturismo. Estão ainda previstas sessões ligadas ao Turismo equestre, Turismo industrial e Turismo gastronómico.

Os Gabinetes de Ação Local (GAL) da região – a ADIRN, a Pinhal Maior e a Tagus RI – são parceiras da CIMT no projeto “Médio Tejo – Vive o Empreendedorismo” e na ação ‘moovOn// Laboratório de Empreendedorismo Turístico’. Esta iniciativa decorre ainda das novas atribuições da CIMT no apoio e incentivo ao empreendedorismo, e ainda no desenvolvimento e promoção do turismo na região do Médio Tejo.

Esta ação é financiada pelo Programa Operacional Regional do Centro (Centro 2020) através do Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional, e enquadra-se no eixo do SAAC – Sistema de Apoio a Ações Coletivas – Promoção do Espírito Empresarial.

PUB

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).

PUB

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here