Sertã: Intervenção na EN238 continua sem data marcada

Ponte Vale da Ursa na EN238 (Foto DR)

O ministro do Planeamento e das Infraestruturas, Pedro Marques, respondeu ao grupo parlamentar Os Verdes sobre a intervenção na Estrada Nacional 238, que liga Sertã-Ferreira do Zêzere-Tomar, dizendo que as Infraestruturas de Portugal estão a avaliar as melhores soluções técnicas para aquela via rodoviária e que oportunamente será divulgado o orçamento disponível para a obra.

PUB

Nesta informação do ministro do Planeamento e das Infraestruturas, divulgada por José Farinha Nunes, presidente da Câmara Municipal da Sertã, durante a última reunião do executivo camarário, é ainda referido que “esta estrada deixou de integrar a sub-concessão do Pinhal Interior e que se está ainda a aguardar pela aprovação de novo contrato para integrar outra sub-concessão”.

Recorde-se que esta informação já tinha sido avançada pelo presidente da Câmara Municipal da Sertã durante a última sessão da Assembleia Municipal que se realizou a 24 de junho, feriado municipal, depois de ter sido questionado por vários deputados eleitos sobre o ponto de situação desta via rodoviária.

PUB

Na ocasião, José Farinha Nunes sublinhou que “vai ser dado um primeiro passo com esta estrada que vai deixar de ser regional e passar a ser nacional para ficar na responsabilidade das Infraestruturas de Portugal”, deixando assim de estar integrada na sub-concessão que está nas mãos da Ascendi.

O primeiro passo muito importante é que esta estrada vai deixar de ser responsabilidade do município da Sertã, entre Cernache a até estalagem do Vale da Ursa, e passar para a responsabilidade das Infraestruturas de Portugal”, destacou José Farinha Nunes, na ocasião.

PUB

Nesta mesma carta enviada pelo ministro do Planeamento e das Infraestruturas, á ainda referido que a Infraestruturas de Portugal está “a avaliar as melhores soluções técnicas que irão ser implementadas para continuar a garantir a segurança da infraestrutura e dos seus utilizadores. Oportunamente será tomada a decisão da intervenção a realizar e do orçamento disponível”.

No último parágrafo da carta, é referido que esta estrada não tem tido muito acidentes o que, segundo sublinhou José Farinha Nunes, “deve-se ao facto de as pessoas terem deixado de passar naquela estrada pelas “poucas condições que apresenta”.

Recorde-se que a Estrada Nacional 238, que liga Sertã-Ferreira do Zêzere-Tomar, encontra-se em elevado estado de degradação e tem sido alvo de sucessivos pedidos de reabilitação por parte dos municípios que atravessa.

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).

pub

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here