Sexta-feira, Fevereiro 26, 2021
- Publicidade -

Sertã | CPCJ tem nova equipa liderada por Ilda Bicacro

A Comissão de Proteção de Crianças e Jovens da Sertã, em reunião alargada, elegeu a representante do Ministério da Educação, Ilda Bicacro, como presidente da referida comissão.

- Publicidade -

Na reunião do Executivo Camarário do dia 9 de maio, José Farinha Nunes, presidente da Câmara Municipal da Sertã propôs um voto de louvor pelo trabalho desenvolvido pela equipa cessante da Comissão de Protecção de Crianças e Jovens (CPCJ) da Sertã, sublinhando “o esforço, dedicação e profissionalismo que sempre foram colocados no desempenho das diferentes tarefas e desafios com que a CPCJ se viu confrontada e que teve de monitorizar.” O voto de louvor foi aprovado por unanimidade.

O autarca deixou ainda uma palavra “de especial reconhecimento ao Dr. Ricardo Nunes que liderou a CPCJ da Sertã desde 2012, sempre de forma irrepreensível e com especial denodo”. Relativamente à nova equipa liderada por Ilda Bicacro, José Farinha Nunes mostrou-se convicto de que “saberá respeitar este legado e cumprir a importante missão que lhes assiste.”

- Publicidade -

Ilda Loureiro Martinho Bicacro nasceu em Coimbra em 1960. Licenciada em Geografia e com Mestrado em Supervisão Pedagógica, é professora de Geografia no Agrupamento de Escolas de Sertã.

Ganhou o “bichinho” do jornalismo quando, no início dos anos 80, começou a trabalhar como compositor numa tipografia em Tomar. Caractere a caractere, manualmente ou na velha Linotype, alinhavava palavras que davam corpo a jornais e livros. Desde então e em vários projetos esteve sempre ligado ao jornalismo, paixão que lhe corre nas veias.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).