Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Domingo, Julho 25, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Sertã: Autarquia aprovou mais de 320 mil euros para despesas escolares

A Câmara Municipal da Sertã aprovou um total de cerca de 323 mil euros em compromissos plurianuais para prestação de serviços de transporte escolar, fornecimento de refeições escolares, passes escolares e transferências para as juntas de freguesia para transportes escolares referentes ao ano letivo 2016/2017 na sua última reunião de executivo camarário que se realizou esta quarta-feira, dia 14 de setembro.

- Publicidade -

Para a prestação de serviços de transporte escolar para o ano letivo 2016/2017 (circuitos 14, 15, 16 e 17) referente às Atividades de Enriquecimento Curricular, conhecidas como AEC´s, a autarquia da Sertã aprovou por unanimidade uma despesa de pouco mais de 7 mil euros.

No que diz respeito ao fornecimento de refeições escolares ao Agrupamento de Escolas da Sertã, o executivo camarário aprovou um valor de cerca de 31 mil euros para o ano letivo 2016/2017.

- Publicidade -

Em despesas referentes a passes escolares para este novo ano letivo, a Câmara Municipal da Sertã aprovou um valor de 165 mil euros.

Em transferências correntes para as juntas de freguesia do concelho assumirem algumas despesas em transportes escolares, a Câmara da Sertã aprovou um valor de 120 mil euros.

No período antes da Ordem do Dia, dedicado a discussão de assuntos de interesse para o Município, Vítor Cavalheiro, vereador do PS, questionou o presidente da autarquia se já tinham sido lançados os concursos públicos para contratação de técnicos para as atividades de apoio à família, o que foi respondido pela vereadora Cláudia André (PSD), responsável pelo pelouro da Educação, explicando que o concurso público para a área musical e de educação física para os jardins-de-infância já foi lançado, estando o processo fechado, se tudo correr bem, ressalvou, na próxima segunda-feira, dia 19 de setembro, adiantando ainda que os restantes concursos públicos serão lançados em breve.

Vítor Cavalheiro, vereador do PS, (à direita) questionou presidente da autarquia sobre os concursos públicos para os monitores que garantem as atividades de apoio à família Foto: mediotejo.net
Vítor Cavalheiro, vereador do PS, (à direita) questionou presidente da autarquia sobre os concursos públicos para os monitores que garantem as atividades de apoio à família Foto: mediotejo.net

Nesta reunião de Câmara da Sertã, onde foi aprovada por unanimidade a contratação de um empréstimo a fazer no banco Santander Totta no valor de 1 milhão e 700 mil euros para despesas de investimento, falou-se ainda sobre o relatório de acompanhamento do PAEL – Programa de Apoio à Economia Local.

Vítor Cavalheiro, vereador do PS, relativamente ao PAEL, questionou o presidente da autarquia sobre as receitas de capital no final de 2016 e as despesas de capital que ficam na “módica quantia de 9% daquilo que é orçamentado o que é muito pouco”.

José Farinha Nunes explicou que esta percentagem baixa justifica-se porque ainda não abriram as candidaturas aos fundos comunitários para se poder avançar com os projetos.

Ainda sobre o relatório do PAEL, Vítor Cavalheiro salientou que a autarquia da Sertã “tem atualmente 6 milhões de euros em compromissos”, ao que José Farinha Nunes respondeu afirmativamente uma vez que “as faturas ainda não chegaram”.

No decorrer da discussão, José Farinha Nunes destacou que a autarquia da Sertã se pode endividar até 17 milhões de euros.

O relatório de acompanhamento do PAEL irá a discussão e votação na próxima sessão da Assembleia Municipal que se realiza dia 24 de setembro, pelas 14h30, com apresentação do Plano Estratégico e, no final da sessão, uma visita ao SerQ – Centro de Inovação e Competências da Sertã.

Entrou no mundo do jornalismo há cerca de 13 anos pelo gosto de informar o público sobre o que acontece e dar a conhecer histórias e projetos interessantes. Acredita numa sociedade informada e com valores. Tem 35 anos, já plantou uma árvore e tem três filhos. Só lhe falta escrever um livro.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here