Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Sexta-feira, Julho 30, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Sertã: Autarquia aguarda reunião para saber de projeto de recuperação da EN238

A Câmara da Sertã solicitou há cerca de um mês uma reunião com as Infraestruturas de Portugal, antiga Estradas de Portugal, para saber quando vão avançar as obras de requalificação da Estrada Nacional 238 que liga Sertã-Ferreira do Zêzere-Tomar.

- Publicidade -

Segundo José Farinha Nunes, presidente da Câmara Municipal da Sertã, “há três pré-projetos feitos nas Infraestruturas de Portugal e agora temos de agendar uma reunião, que já foi pedida no final do ano passado, para ver se algum daqueles projetos é possível concretizar”.

O presidente da Câmara da Sertã reconhece a urgência na recuperação daquela estrada onde “a questão maior é o número de curvas com perigo e buracos que existem debaixo da estrada, aparentemente ela parece que está em condições mas debaixo do pavimento tem buracos”.

- Publicidade -

Recentemente, o grupo parlamentar Os Verdes entregou na Assembleia da República um documento onde questiona o Governo para quando está prevista “a requalificação de fundo do troço da EN238 entre Cernache do Bonjardim e Ferreira do Zêzere”, se “tem havido periodicamente inspeções de segurança às barreiras que comportam a estrada” e se “está previsto, a breve prazo, alguma intervenção de suporte à barreira”.

No documento, o grupo parlamentar Os Verdes refere que “a EN 238 apresenta o piso irregular e em mau estado, falta de visibilidade, desnível acentuado, falha de marcação e sinalização, alguns dos fatores que agravam o perigo da via e que têm contribuído para o aumento de acidentes rodoviários, nomeadamente em períodos de grande precipitação e geada”.

A missiva solicita ainda ao Governo que este informe sobre o número de acidentes que ocorreram naquele troço da EN238 entre Cernache do Bonjardim e Ferreira do Zêzere, na última década, e questiona se a estrutura da ponte do Vale da Ursa, no concelho da Sertã, se encontra em bom estado de conservação.

A este respeito, José Farinha Nunes, presidente da Câmara Municipal da Sertã, esclareceu ao mediotejo.net que a segurança na ponte do Vale da Ursa está assegurada.

O grupo parlamentar Os Verdes considera “urgente” a requalificação da EN 238 “com a realização de obras de reparação da via e de estabilização das vertentes, por forma a evitar desmoronamentos e garantir a segurança dos utilizadores”.

“Em 2014, este troço foi afetado pelo desmoronamento de uma barreira, ao km 23, que deixou a circulação interrompida por, pelo menos, 2 meses. Este incidente causou um enorme transtorno aos utilizadores da via, sobretudo às empresas que tiveram um acréscimo de custos, uma vez que as estradas alternativas são bastante mais extensas e demoradas, não havendo nenhum género de apoio para suportar este aumento de despesa. As empresas que utilizam este troço são sobretudo de pequena e média dimensão”, refere o Partido Ecologista Os Verdes no documento.

Entrou no mundo do jornalismo há cerca de 13 anos pelo gosto de informar o público sobre o que acontece e dar a conhecer histórias e projetos interessantes. Acredita numa sociedade informada e com valores. Tem 35 anos, já plantou uma árvore e tem três filhos. Só lhe falta escrever um livro.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome