Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Terça-feira, Agosto 3, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Sardoal: TAGUS esclarece apoios ao investimento na exploração agrícola

A TAGUS – Associação para o Desenvolvimento Integrado do Ribatejo Interior vai realizar esta sexta-feira, dia 16 de setembro, no Sardoal, uma sessão de divulgação sobre os apoios financeiros disponíveis, no valor de 222 mil euros, no âmbito da operação Diversificação de Atividades na Exploração Agrícola e irá também apresentar a Bolsa de Terras.

- Publicidade -

O objetivo desta sessão de esclarecimento, que terá lugar na Quinta do Côro, em Sardoal, pelas 18h, é “esclarecer a população sobre a abertura de um novo concurso aos apoios do Desenvolvimento Local de Base Comunitária (DLBC Rural)”, refere a TAGUS em nota de imprensa.

Esta sessão surge na sequência da TAGUS ter iniciado, no passado dia 5 de Setembro, o período de receção de candidaturas de projetos em Abrantes, Constância e Sardoal, inseridos na operação 10.2.1.3. “Diversificação de Actividades na Exploração Agrícola”, do DLBC Rural, integrado no Programa de Desenvolvimento Rural (PDR2020), no âmbito do Fundo Europeu Agrícola de Desenvolvimento Rural (FEADER).

- Publicidade -

Para o concurso aberto até 15 de dezembro, “a TAGUS dispõe de 222 mil euros, para apoiar investimentos no desenvolvimento de atividades, na exploração agrícola, que não sejam de produção, transformação ou comercialização de produtos e contribuam diretamente para a manutenção ou melhoria do rendimento do agregado familiar, fixação da população, ocupação do território e o reforço da economia rural”, salienta a TAGUS.

Segundo explica esta associação, “os projetos dos agricultores ou membros do seu agregado familiar aprovados nesta operação poderão contar com um apoio de 40 por cento das despesas elegíveis, e 50 por cento se criarem um ou mais postos de trabalho. Os investimentos têm um limite de 200 mil euros e devem inserir-se nas atividades económicas unidades de alojamento turístico, serviços de recreação, lazer e outros indicados no aviso do concurso da Associação do Ribatejo Interior”, acrescenta a nota de imprensa da TAGUS.

Nesta sessão, irá também ser apresentada a Bolsa Nacional de Terras, em que a TAGUS, como Gestora Operacional (GeOp) deste incentivo do Ministério da Agricultura, Florestas e Desenvolvimento Rural, “pretende informar a população sobre as vantagens da iniciativa, que visa facilitar o acesso a terrenos, cujos donos não os podem trabalhar, para arrendamento, venda ou outros tipos de cedência, dando-os a conhecer através de um sistema informático disponível no sítio da Internet em www.bolsanacionaldeterras.pt”.

Para inscrição nesta sessão, mais informações e consulta dos avisos e legislação da operação, deve ir ao sítio na Internet da TAGUS (em www.tagus-ri.pt).

Entrou no mundo do jornalismo há cerca de 13 anos pelo gosto de informar o público sobre o que acontece e dar a conhecer histórias e projetos interessantes. Acredita numa sociedade informada e com valores. Tem 35 anos, já plantou uma árvore e tem três filhos. Só lhe falta escrever um livro.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome