Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Sábado, Outubro 23, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Sardoal | Saiba como viver as Festas do Concelho até domingo

As Festas do Concelho tiveram o seu dia zero na quarta-feira, dia 20, e prolongam-se até domingo, dia 24. Espetáculos, exposições, tasquinhas, comemorações do Dia da Freguesia e dos 486 anos da Elevação do Sardoal a vila, a Mostra de Saberes e Sabores, a Taça da Amizade em futebol e o XV Festival Hípico integram o programa de quatro dias oficiais que leva habitantes e visitantes a conhecer (e a viver) o Sardoal de manhã à noite.

- Publicidade -

O arranque oficial da edição deste ano decorreu na quinta-fera, dia 21, mas quem foi ao Sardoal na quarta-feira já pôde festejar no Centro Cultural Gil Vicente, equipamento que recebeu o espetáculo de teatro “Daqui fala o morto”, levado a cena pelo GETAS. Na quinta-feira foi a vez da Praça da República ter cultura ao ar livre com a Noite de Fados “Os de Cá”, que juntou as vozes de Victor Manoel, Miguel Simples, Paula Simples e Manoel Costa, a música de Custódio Magalhães, Carlos Fonseca, Miguel Silva, Fernando Forte e Manoel Costa e alguns elementos da Filarmónica União Sardoalense.

Este concerto integrou o Dia da Freguesia de Sardoal, que começou a ser comemorado de manhã com o batismo de voo em balão de ar quente dos alunos do Agrupamento de Escolas e o hastear das bandeiras no edifício da Junta de Freguesia às 10h00. À tarde foi celebrada uma missa em honra de S. Mateus, na Igreja Matriz, e um momento de convívio no Mercado Diário, que incluiu na ementa o porco no espeto oferecido pela Junta de Freguesia do Sardoal.

- Publicidade -

Mapa das tasquinhas e dos eventos. Foto: CM Sardoal

A semana despede-se esta sexta-feira, com novas comemorações alusivas à Elevação do Sardoal à categoria de Vila. Passados 486 anos do dia em que D. João III passou a respetiva Carta de Mercê, a efeméride foi assinalada, pelas 10h00, com a cerimónia do hastear das bandeiras nos Paços do Concelho ao som da Filarmónica União Sardoalense. No interior do edifício (Salão Nobre) foram entregues as distinções aos trabalhadores que prestaram serviços à autarquia durante 25 anos ou mais.

A abertura da Mostra de Saberes e Sabores na Praça Nova e Avenida Luís de Camões, às 15h30 desta sexta-feira, coincide com a inauguração das três exposições temáticas que podem ser visitadas em diversos locais ao longo das festas. Os trabalhos do II Concurso de Pintura “À Descoberta do Mestre” passam a estar patentes no Centro Cultural Gil Vicente, as “Árvores Emblemáticas do Concelho de Sardoal” podem ser conhecidas no Espaço Cá da Terra e a “Semana Santa”, que a autarquia quer ver reconhecida como Património Cultural e Imaterial, é recordada na Capela de Nossa Senhora do Carmo.

“À Descoberta do Mestre” é uma das três exposições que podem ser visitadas durante o evento. Foto: CM Sardoal

Os concertos de sexta-feira e de sábado começam ao final da tarde na Praça Nova e prolongam-se até depois de jantar com os cabeças-de-cartaz a subirem ao palco instalado na Praça da República. O primeiro local começa a ser animado esta sexta-feira, dia 22, pelos “Seca Adegas” a partir das 19h00, que ali regressam às 21h00, e no dia 23 com “Cantares d’Outrora” às 18h30 e às 21h00. Samuel Úria e Miguel Araújo atuam mais perto do pelourinho, às 22h30 de dia 22 e 23, respetivamente.

O programa de sábado integra ainda o torneio de futebol “Taça da Amizade” no Parque Desportivo Municipal e os momentos iniciais do 10º Encontro de Filarmónicas (Saudações) na Praça da República e no Salão Nobre dos Paços do Concelho, ambos a partir das 15h30. As bandas participantes (Sociedade Filarmónica Incrível Aldeiagrandense, Banda Filarmónica União Montoitense e Filarmónica União Sardoalense) proporcionam um concerto no Centro Cultural Gil Vicente uma hora depois. Pelas 18h00 tem início o Passeio da Chapa Amarela, organizado pel’ “Os Duros”.

O Sardoal começa a despedir-se das Festas do Concelho de 2017 ne domingo com a realização do XV Festival Hípico nos terrenos do Freião, junto ao Eucalipto Grosso). A prova de escolas tem início às 10h00, meia-hora depois o público infantojuvenil pode usufruir do volteio e iniciação aos andamentos a cavalo orientados por um monitor habilitado e pelas 11h00 começam as provas pequenas, médias e grandes.

Os momentos culturais fecham o programa a partir das 18h00 com a revelação dos vencedores e a entrega de prémios do II Concurso de Pintura “À Descoberta do Mestre” no Centro Cultural Gil Vicente. A Praça Nova é palco das danças tradicionais do Rancho Folclórico “Os Resineiros” de Alcaravela pelas 18h15 e a Praça da República ganha o ritmo dos Led Zeppelin no tributo que lhes é prestado pela banda “Led On”, às 22h00.

Nasceu em Vila Nova da Barquinha, fez os primeiros trabalhos jornalísticos antes de poder votar e nunca perdeu o gosto de escrever sobre a atualidade. Regressou ao Médio Tejo após uma década de vida em Lisboa. Gosta de ler, de conversas estimulantes (daquelas que duram noite dentro), de saborear paisagens e silêncios e do sorriso da filha quando acorda. Não gosta de palavras ocas, saltos altos e atestados de burrice.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome