Sardoal | O piano local volta a receber mãos e mestria de todo o mundo

A iniciativa "Sardoal ao Piano" realiza-se entre 10 e 12 de dezembro. Foto: mediotejo.net

Um piano, doze mãos. O primeiro é local, a proveniência e a mestria das segundas são mundiais. Eis o resumo da iniciativa “Sardoal ao Piano” que decorre no Centro Cultural Gil Vicente entre os dias 10 e 12 de dezembro. O evento volta a trazer ao concelho pianistas reconhecidos internacionalmente e reforça a parceria entre o município e a Academia Internacional de Música Aquiles Delle Vigne.

PUB

O piano do Centro Cultural Gil Vicente volta a receber as mãos e a mestria de pianistas reconhecidos internacionalmente a partir do próximo dia 10 na iniciativa “Sardoal ao piano”. O programa propõe dois concertos por dia, num total de seis, incluindo os dos vencedores da primeira edição do Encontro Internacional de Piano que teve lugar no concelho no passado mês de setembro.

A húngara Monika Ruth Vida (Prémio Sardoal Novo Talento 2016) e o português Diogo Simões (Prémio Sardoal Novo Talento 2016 – Melhor Participante Português) partilham o piano durante três dias com a norueguesa Marina Kan, a russa Evgenya Antonova, a coreana Yeon-Min Park e o italiano Ruben Micieli.

PUB

O piano local volta a receber mãos e mestria de todo o mundo, reservando para sábado as que chegam da Hungria (21h30) e da Noruega (22h15), para domingo as que partiram da Rússia (16h00) e da República da Coreia (16h45) e para segunda-feira as que viajaram pelas estradas nacionais (21h30) e as italianas (22h15).

O mote “grandes concertos por grandes pianistas” inspira um novo evento realizado no âmbito do protocolo assinado entre o município sardoalense e a Academia Internacional de Música Aquiles Delle Vigne no passado dia 26 de janeiro, data em que o Centro Cultural Gil Vicente recebeu os premiados do Coimbra World Piano Meeting.

PUB

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).

pub

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here