Quarta-feira, Março 3, 2021
- Publicidade -

Sardoal | Mercadinho da Primavera no Mercado Municipal

O Mercado Municipal de Sardoal recebe no sábado, dia 21 de abril, das 8h30 às 12h30 e das 14h00 às 17h00, o Mercadinho da Primavera. Esta iniciativa visa divulgar e promover produtos locais, aproximando produtores, associações, instituições e consumidores, promovendo o desenvolvimento sustentável e comunitário.

- Publicidade -

O Mercadinho da Primavera contará com a participação dos habituais vendedores do Mercado Municipal, de produtores concelhios presentes no espaço Cá da Terra, produtores e comerciantes de flores e plantas, bem como de associações e IPSS concelhias.

Os visitantes poderão encontrar à venda produtos frescos, flores e plantas, doces regionais e artesanato. Em paralelo com a venda e promoção de produtos decorrerá um programa complementar, sendo que, durante todo o dia, estará patente uma exposição com trabalhos elaborados pelos alunos do Pré-Escolar do Agrupamento de Escolas e pelos utentes da Associação de Assistência e Domiciliária de Alcaravela e da Santa Casa da Misericórdia de Sardoal.

- Publicidade -

Pelas 10h30, decorrerá um workshop de Arranjos Florais, com Maria de Lourdes Navalho, Florista Detrás da Fonte, e, pelas 15h30 terá lugar a atuação do Rancho Folclórico “Os Resineiros” de Alcaravela.

A iniciativa é promovida pelo CLDS 3G | Sardoal SIM, em parceria com Município de Sardoal, através do Gabinete de Apoio ao Empresário.

Programa

8h30 | Abertura. Exposição de Trabalhos Primaveris: elaborados pelos alunos do Pré-Escolar do Agrupamento de Escolas de Sardoal e IPSS

10h30 | Workshop de Arranjos Florais com Maria de Lourdes Navalho, Florista
Detrás da Fonte

15h30 | Atuação do Rancho Folclórico “Os Resineiros” de Alcaravela

17h00 | Encerramento

A sua formação é jurídica mas, por sorte, o jornalismo caiu-lhe no colo há mais de 20 anos e nunca mais o largou. É normal ser do contra, talvez também por isso tenha um caminho feito ao contrário: iniciação no nacional, quem sabe terminar no regional. Começou na rádio TSF, depois passou para o Diário de Notícias, uma década mais tarde apostou na economia de Macau como ponte de Portugal para a China. Após uma vida inteira na capital, regressou em 2015 a Abrantes. Gosta de viver no campo, quer para a filha a qualidade de vida da ruralidade e se for possível dedicar-se a contar histórias.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
O seu nome

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).