- Publicidade -

Segunda-feira, Janeiro 24, 2022
- Publicidade -

Sardoal | Fernando Moleirinho é o novo Provedor da Santa Casa da Misericórdia (C/ÁUDIO)

Fernando Moleirinho, 77 anos, foi eleito este sábado Provedor da Santa Casa da Misericórdia de Sardoal, substituindo no cargo Anacleto Batista. No alto eleitoral, a lista A, única a concorrer, obteve 56 votos dos 63 irmãos votantes, havendo ainda a registar seis votos em branco e um voto nulo.

- Publicidade -

Em declarações ao mediotejo.net, Fernando Moleirinho, que assume o cargo até 2023, disse que o que move a equipa que lidera foi “o desejo de unir toda a sociedade sardoalense em torno de uma instituição que, em tempos, foi muito querida de todos nós”, e a necessidade de “voltar a fazer dela uma referência no panorama concelhio”, assegurando estabilidade e confiança a utentes, familiares e funcionários.

ÁUDIO | FERNANDO MOLEIRINHO, NOVO PROVEDOR SANTA CASA DE SARDOAL:

- Publicidade -

Fernando Moleirinho, que iniciou a sua vida profissional no ensino, foi presidente da Câmara de Sardoal durante 20 anos consecutivos e conta com um historial relevante ao nível da participação ativa na vida social, cultural e desportiva do concelho, tendo já desempenhado, inclusive, o cargo de vice-provedor da Santa Casa da Misericórdia.

As eleições para os órgãos sociais da Santa Casa da Misericórdia de Sardoal decorreram este sábado, em Assembleia Geral Extraordinária, com um único ponto na ordem e trabalhos: a eleição dos órgãos sociais – vice-presidente da Mesa da Assembleia Geral, Mesa Administrativa e Conselho Fiscal – pelo período em falta do mandato social de 2019/2023, na sequência da renúncia dos membros da Mesa Administrativa e do Conselho Fiscal da Santa Casa, no dia 30 de outubro, tal como noticiado pelo mediotejo.net.

- Publicidade -

Assim, em resultado do ato eleitoral, que deverá ainda ser validado pelo Bispo da Diocese de Portalegre-Castelo Branco, Fernando Moleirinho foi eleito Provedor, tendo consigo na Mesa Administrativa Sérgio Figueiredo, Maria da Graça Alves, José Dionísio e José Joaquim, e, como suplentes, Gregório Fernandes, José Curado e José Aparício.

Para o Conselho Fiscal foi eleito José Maria Mora de Campos (presidente), Jorge Rato e Maria José Grácio, tendo como suplentes Rosa Ramos, Júlio Chambel e Maria Paulino.

A Mesa da Assembleia Geral, que hoje elegeu como vice-presidente José Esteves Fernandes, continua  a ter Miguel Borges como presidente e Paula Bouça como secretária.

A Santa Casa da Misericórdia de Sardoal é uma Instituição com mais de quinhentos anos de existência. Primeiro funcionou como Confraria de Santa Maria da Caridade e, em 1800, foi fundado o Hospital que viria a ser, durante mais de um século, um local de cuidados de Saúde no Sardoal.

Atualmente, a Santa Casa da Misericórdia contempla um Lar de Idosos, Centro de Dia, Unidade de Apartamentos Lúcio Serras Pereira, Apoio Domiciliário e serve refeições nas Cantinas Sociais

A experiência de trabalho nas rádios locais despertaram-no para a importância do exercício de um jornalismo de proximidade, qual espírito irrequieto que se apazigua ao dar voz às histórias das gentes, a dar conta dos seus receios e derrotas, mas também das suas alegrias e vitórias. A vida tem outro sentido a ver e a perguntar, a querer saber, ouvir e informar, levando o microfone até ao último habitante da aldeia que resiste.

A sua formação é jurídica mas, por sorte, o jornalismo caiu-lhe no colo há mais de 20 anos e nunca mais o largou. É normal ser do contra, talvez também por isso tenha um caminho feito ao contrário: iniciação no nacional, quem sabe terminar no regional. Começou na rádio TSF, depois passou para o Diário de Notícias, uma década mais tarde apostou na economia de Macau como ponte de Portugal para a China. Após uma vida inteira na capital, regressou em 2015 a Abrantes. Gosta de viver no campo, quer para a filha a qualidade de vida da ruralidade e se for possível dedicar-se a contar histórias.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome