“Queridos Pais”, por Vânia Grácio

“Queridos pais: Aproximam-se mais umas férias de verão. Sei que está definido no acordo do tribunal, que tenho de estar 15 dias com um e outros 15 dias com outro, para além dos fins-de-semana alternados, como aliás tem sido regra. Mas queria pedir-vos um favor. Não se zanguem comigo se não quiser ir com um ou com o outro no fim-de-semana estipulado, ou nas férias marcadas. Não aproveitem a minha vontade de querer ficar com os meus amigos e ir aquela festa que vai haver e que não posso faltar por nada, para discutir. Eu gosto dos dois da mesma forma. Sei que vocês também gostam um do outro e principalmente gostam de mim. Agora estão zangados, mas isso vai passar e vamos voltar a ser felizes. Já me convenci que não voltaremos a viver os três, mas sei que voltaremos a ser uma família. Por isso, respeitem a minha vontade, não apenas quando vos dá jeito, mas sempre.

PUB

Os limites, as regras, os valores e o amor que me passaram ao longo destes anos, não podem ser perdidos no meio de mais uma discussão vossa. Continuem a amar-me, mesmo que eu não vá neste fim-de-semana. Continuem a ser meus pais. Voltemos a ser uma família.

Adoro-vos. Um beijinho do/a vosso/a filho/a.“

PUB

Esta é uma carta fictícia, mas que poderia ser real. Esta altura do ano é dada a vários conflitos parentais, quando as crianças (principalmente pré-adolescentes) não querem deixar os amigos para ir passar o fim-de-semana com o pai ou com a mãe, ou até mesmo para visitar aqueles familiares que já não veem há algum tempo.

Pais, isto é normal! Não interpretem isto como um comportamento induzido pelo outro progenitor para afastar o seu filho de si, mas antes como uma fase do crescimento da sua criança. Respeite-a. Oiça os motivos porque não quer ir consigo, pondere e tente compreender. Por muitas saudades que tenha do seu filho e por muita vontade que tenha de estar com ele, não vai quere-lo amuado, zangado, e contrariado no seu fim-de-semana. Marque um outro fim-de-semana. Negoceie com o seu filho e com o pai/mãe.

PUB

Aproveite as férias. Aproveite todos os momentos. Não desperdice o vosso tempo com birras. O seu filho adora-o.

 

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).

pub
Artigo anteriorCastelo de Abrantes recebe Festival de Papagaios
Próximo artigoHóquei em Patins: Resultados dos Nacionais de Sub17, Sub15 e Sub13 e classificações
Vânia Grácio é Assistente Social e Mediadora Familiar e de Conflitos. Licenciada em Serviço Social pelo Instituto Superior Bissaya Barreto e Mestre em Serviço Social pelo Instituto Superior Miguel Torga. Pós Graduada em Proteção de Menores pelo Centro de Direito da Família da Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra e em Gestão de Instituições de Ação Social pelo ISLA. Especializou-se na área da Mediação de Conflitos pelo Instituto Português de Mediação Familiar e de Conflitos. Trabalha na área da Proteção dos Direitos da Criança e da Promoção da Parentalidade Positiva. Coloca um pouco de si em tudo o que faz e acredita que ainda é possível ver o mundo com “lentes cor-de-rosa”. Gosta de viajar e de partilhar momentos com a família e com os amigos (as). Escreve no mediotejo.net ao sábado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here