Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -
Terça-feira, Outubro 26, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

PSP e MEO distribuem 82 mil pulseiras através do programa “Estou Aqui!”

A Polícia de Segurança Pública registou mais de 82 mil pedidos de
pulseiras do programa “Estou Aqui!” (EA) nos últimos seis meses e três ativações com sucesso.

- Publicidade -

O programa “Estou Aqui!” é uma solução inovadora lançada pela Polícia de Segurança Pública em parceria com a MEO, a Fundação PT, a Secretaria Geral do Ministério da Administração Interna e o Instituto de Apoio à Criança que vai já na sua sexta edição.

Recorda-se que a esta edição teve início no passado dia 1 de junho de 2017 e termina a 31 de maio de 2018, sendo dirigida a crianças dos 2 aos 10 anos.

- Publicidade -

Lisboa (36,8%), Porto (17,3%) e Setúbal (11%) são os distritos com maior número de pedidos, reunindo no seu conjunto cerca de 65% do total de pedidos efetuados.

A nível etário, verifica-se uma distribuição relativamente
homogénea, com maior incidência na faixa dos 3 aos 7 anos.

As pulseiras podem ser pedidas em https://estouaqui.mai.gov.pt/ e
ficam disponíveis em poucos dias na esquadra da PSP escolhida. As
pulseiras são pessoais, intransmissíveis e gratuitas e podem ser
ativadas em outros países da União Europeia.

Na vertente “Estou Aqui Adultos!” (EAA), a PSP tem registado um menor número de pedidos e um maior número de ativações.

Desde o início da fase alargada do EAA, a 20 de março de 2017, foram pedidas perto de 4 250 pulseiras e registaram-se, até ao momento, 17 pedidos de ativação.

Num primeiro balanço, verifica-se que há mais senhoras a utilizar este programa (cerca de 59%) do que senhores (41%) e que as faixas etárias mais representadas são dos 80 aos 89 anos (35%) e dos 70 aos 79 anos(26%).

O programa “Estou Aqui Adultos!” foi pensado para garantir a segurança de todos os utilizadores na via pública e para promover o reencontro célere com o familiar ou conhecido previamente indicado. É especialmente dirigido a pessoas que, em razão da idade ou de doença, possam ter momentos de desorientação e ficar incapacitadas de dizer quem são e de indicar quem são os seus contactos de emergência.

Para obter uma pulseira é necessário fazer a pré-inscrição em https://estouaquiadultos.mai.gov.pt/Pages/Home.htm e levantar a pulseira na esquadra selecionada. O programa prevê dois tipos de pedido, consoante seja o próprio utilizador a solicitar a pulseira (opção “Pedido pelo Próprio”) ou seja um cuidador ou uma
instituição (opção “Pedido Instituição/Cuidador”).

O programa resulta de uma parceria da Polícia de Segurança Pública
com a Fundação PT e a Secretaria Geral do Ministério da Administração Interna. O EAA conta ainda com o apoio da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa, Alzheimer Portugal, Fundação Liga e
FENACERCI.

Jornalista profissional há mais de 30 anos, passou por vários jornais diários nacionais, nomeadamente pelo 'Diário de Lisboa', 'Diário de Notícias' e 'A Capital'. Apaixonada pela profissão desde a adolescência, abraçou o jornalismo nas suas diversas áreas, desde o Desporto às Artes e Espetáculos, passando pela Política e pelos temas Internacionais. O jornalismo de proximidade surge agora no seu percurso.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome