- Publicidade -
Segunda-feira, Dezembro 6, 2021
- Publicidade -

PSD propõe desviar verbas dos “metros” e “Pólis” para a fiscalização do ambiente

O PSD apresentou esta terça-feira, dia 14 de novembro, no Parlamento, uma proposta no sentido de desviar verbas dos “metros” e “Pólis” para a fiscalização do ambiente, através do reforço dos meios da Agência Portuguesa do Ambiente e da IGAMAOT.

- Publicidade -

Numa informação a que o médiotejo.net teve acesso, o PSD propõe a “modificação significativa nas dotações da área do ambiente, aproveitando parte das verbas que o Governo preferiu alocar àqueles três projetos nas áreas metropolitanas de Lisboa e Porto, quer para maior aposta na fiscalização e combate à poluição e na proteção ambiental (reforçando as dotações da APA e IGAMAOT), quer para financiar medidas e projetos no Interior, nas Regiões Autónomas e de recuperação dos territórios afetados pelos incêndios de 2017.

Segundo os sociais-democratas, a proposta de Orçamento “evidencia no programa orçamental Ambiente um aumento de dotação na despesa total consolidada de 41% face ao OE2017 (e de 76% face à estimativa atual de execução), mas que surpreende pelas escolhas que faz: primeiro, o orçamento setorial aumenta, mas reduz-se o esforço real para a inspeção e fiscalização ambientais (a Agência Portuguesa do Ambiente tem um corte de -4,4% e a IGAMAOT um reforço de 7% que mal cobre a reposição dos salários); segundo, aquele aumento ignora ostensivamente o Interior do País, pois canaliza aqueles reforços para investimentos do Metro de Lisboa (+124%), Metro do Porto (+41%) e Pólis da Caparica (+214%). Estas são opções incompreensíveis, particularmente no ano em que o País assistiu a dramáticas tragédias no Interior do País”, conclui o PSD.

- Publicidade -

Jornalista profissional há mais de 30 anos, passou por vários jornais diários nacionais, nomeadamente pelo 'Diário de Lisboa', 'Diário de Notícias' e 'A Capital'. Apaixonada pela profissão desde a adolescência, abraçou o jornalismo nas suas diversas áreas, desde o Desporto às Artes e Espetáculos, passando pela Política e pelos temas Internacionais. O jornalismo de proximidade surge agora no seu percurso.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome