- Publicidade -

Projeto “Heróis da Fruta” vai contar com presença de escolas do Médio Tejo

O projeto “Heróis da Fruta – Lanche Escolar Saudável”, que é atualmente o maior programa gratuito de educação para a saúde de âmbito nacional com uma das maiores taxas de sucesso em reeducação alimentar infantil, tem as inscrições abertas para todas as escolas do 1º ciclo e jardins-de-infância interessados em participar. Constância e Torres Novas já são “Autarquias Parceiras” deste projeto.

- Publicidade -

Promovido pela APCOI – Associação Portuguesa Contra a Obesidade Infantil, a associação quer estender neste ano letivo 2016/2017, a adesão de todas as escolas de 1º ciclo e jardins-de-infância.

As inscrições para a 6ª edição desta iniciativa estão abertas desde o dia 1 de setembro e prolongam-se até ao dia 14 de outubro de 2016. Podem inscrever-se todos os estabelecimentos de ensino interessados, públicos e privados, através do endereço www.heroisdafruta.com ou através do telefone 210 961 868.

- Publicidade -

A Câmara Municipal de Constância já aderiu a esta iniciativa tornando-se “Autarquia Parceira” da 6ª edição do projeto “Heróis da Fruta – Lanche Escolar Saudável” e lançou o desafio a todas as escolas do município para se inscreverem gratuitamente e implementarem este programa educativo no ano letivo 2016/2017. Depois de fazer a inscrição, a escola recebe acesso aos materiais pedagógicos que necessita, sem qualquer custo, informa o Município de Constância.

O Município de Torres Novas também já aderiu a esta iniciativa tornando-se “Autarquia Parceira” e lança o desafio a todas as escolas do município para se inscreverem gratuitamente e implementarem este programa educativo no ano letivo 2016/2017.

Município de Torres Novas já se tornou "Autarquia Parceira" do projeto "Heróis da Fruta" Foto: CMTorres Novas
Município de Torres Novas já se tornou “Autarquia Parceira” do projeto “Heróis da Fruta” Foto: CMTorres Novas

O projeto “Heróis da Fruta” quer combater uma realidade preocupante: 74% das crianças portuguesas não ingere fruta na quantidade recomendada diariamente, das quais 7% não consome qualquer porção de fruta por dia, provocando carências nutricionais e tem efeitos muito negativos para a saúde ao diminuir os níveis de energia, de concentração, de aprendizagem e das defesas do organismo, tornando as crianças mais sujeitas a doenças como a obesidade ou a diabetes tipo 2, logo desde a infância. Portugal está entre os países europeus com maior número de crianças afetadas por esta epidemia mundial: uma em cada três crianças portuguesas tem excesso de peso.

“Está comprovado que a aplicação do modelo pedagógico dos heróis da fruta aumenta em pelo menos 42% o consumo de fruta no lanche escolar das crianças que nele participam”, afirmou Mário Silva, presidente e fundador da APCOI, sublinhando ainda que “nas últimas edições tivémos participações de todos os distritos e regiões autónomas, mas a nossa meta é chegar a todas as escolas do país”.

Entrou no mundo do jornalismo há cerca de 13 anos pelo gosto de informar o público sobre o que acontece e dar a conhecer histórias e projetos interessantes. Acredita numa sociedade informada e com valores. Tem 35 anos, já plantou uma árvore e tem três filhos. Só lhe falta escrever um livro.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
O seu nome

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).

- Publicidade -