PUB

Ponte de Sor | Yakstars dão show aéreo e proporcionam batismos de voo (c/fotogaleria e audio)

O Aeródromo Municipal da Ponte de Sor foi palco no passado sábado, dia 24, de uma exibição da Patrulha Acrobática Yakstars. O público que se apresentou em bom número foi premiado com batismos de voo para os mais temerários.

PUB

Os mais temerários fizeram batismo de voo.

Os Yakstars são a primeira patrulha acrobática na história da aviação civil em Portugal a operar com 3 aeronaves. A patrulha é formada com três aeronaves Yak 52 de origem soviética, equipadas com motores radiais Vedeneyev M14P de 360/400 hp e 9 cilindros, disposição tipo tandem do cockpit, trem de aterragem em triciclo retrátil e flaps de intradorso.

PUB

O Yak 52 possui um sistema de combustível e óleo invertido, permitindo o voo invertido durante dois minutos ininterruptos, bem como um aspeto original e único, possuindo uma excelente manobrabilidade. O som do motor é extremamente característico, sendo uma das principais imagens de marca.

A Patrulha é composta por três pilotos que têm em comum a sua origem na Força Aérea Portuguesa (FAP) e ainda o fato de serem pilotos da Transportadora Aérea Portuguesa (TAP). São eles:

Comandante Pedro Cerveira Pinto

Pedro Cerveira Pinto

Tem 36 anos de experiência aeronáutica, tendo acumulado mais de 20.000 horas de voo em 130 aeronaves diferentes. Qualificou-se como piloto operacional de caça na Força Aérea Portuguesa, tendo sido colocado na Esquadra 303 “Tigres” na base das Lajes nos Açores, a pilotar o FIAT G-91. Em 1987 foi admitido na TAP Portugal, sendo atualmente Comandante de Airbus A330/A340. Colaborou com a G Air como instrutor de MCC durante 10 anos.

Comandante Fernando Marinho Pereira

Fernando Marinho Pereira

Foi piloto operacional em FIAT G-91 na Esquadra “Tiger” 301 da Força Aérea Portuguesa e instrutor avançado e de combate em Alpha Jet na Esquadra 103 – EICPAC. Fez também parte da patrulha acrobática “Asas de Portugal”. Posteriormente ingressou na TAP Portugal onde é atualmente Comandante e cumulativamente piloto Examinador (TRE) e Instrutor (TRI) em Airbus A319/320/321. É, simultaneamente, instrutor de aviação geral, de voo em formação, de corridas aéreas e piloto de acrobacia. No seu currículo constam mais de 150 exibições aéreas em inúmeras aeronaves.

Comandante Jorge Fachadas

Jorge Fachadas

Foi piloto de diversos aviões e helicópteros na Força Aérea Portuguesa tendo voado missões operacionais em Timor Leste e de Busca e Salvamento e instrutor de voo na Academia da Força Aérea. Ainda durante a sua permanência na FAP, participou em várias campanhas de ataque aos fogos florestais. Em 2005 tornou-se piloto de linha aérea, sendo atualmente comandante da TAP Portugal na frota Airbus A320, possuindo mais de 8,500 horas de voo.

Já voou 31 diferentes tipos de aeronaves e desde 2007 já participou em mais de 200 exibições aéreas em diversas aeronaves, tendo feito parte da equipa nacional nos campeonatos da Europa e nos campeonatos do mundo de acrobacia sendo, por diversas vezes, campeão nacional na categoria Avançado.

Realizou a famosa travessia do Atlântico Norte num Twinbeech C45 Expeditor da Segunda Guerra Mundial. Foi um dos fundadores da patrulha acrobática “Smoke Wings”, a primeira patrulha acrobática civil portuguesa, com dois Yak 52.

G Air forma pilotos na Ponte de Sor.

Recentemente a G Air Training Centre, líder na formação aeronáutica em Portugal celebrou um acordo de cooperação com a Patrulha Acrobática. No âmbito desta parceria a G Air irá apoiar a atividade da Patrulha em eventos de carácter acrobático nacional e internacional.

Simultaneamente os elementos da Patrulha Acrobática colaborarão com a G Air Training Centre apoiando o treino de UPSET recovery à sua equipa de instrução e aos seus alunos dos cursos de Piloto de Linha Aérea.

Complementarmente, os elementos da Patrulha Yakstars irão realizar workshops ao longo dos cursos de Pilotos de Linha Aérea da G Air Training Centre, aprofundando temáticas relativas ao voo acrobático e de UPSET recovery.

Escola dispõe de vários tipos de aparelhos.

A G Air Training Centre é uma escola de formação de pilotos de linha aérea com mais de 37 anos de experiência. Líder de mercado em Portugal, possui bases de treino e representações no Dubai, Holanda, Itália e Reino Unido. Em Portugal tem bases de treino no aeródromo de Cascais e um centro de treino internacional ímpar em Ponte de Sor, com capacidade para formar até 400 pilotos por ano e condições únicas para o treino de voo.

Ao longo da sua história formou milhares de profissionais que hoje integram as principais companhias aéreas mundiais, tendo fortes parceiros na aviação, como a Emirates, a easyJet, Alpha Aviation (Air Arabia), entre outros.

No ensino superior aeronáutico possui protocolos de cooperação com várias universidades nacionais e internacionais. Passou recentemente a integrar a L3 Airline Academy.

O mediotejo.net, à margem deste evento, teve a oportunidade de estar à conversa com o Comandante Jorge Fachadas, piloto dos Yakstars:

Comandante Jorge Fachadas.

*Com David Pereira (fotos)
Fonte: Site oficial da Escola de Aviação GAir.

PUB
PUB
Jorge Santiago
Nasceu a 30 de Janeiro de 1961 em Lisboa e cresceu no Alentejo, em Santiago do Cacém. Dali partiu em 1980 para ingressar no Exército e no Curso de Enfermagem. Foi colocado em Santa Margarida e por aqui fez carreira acabando por fixar-se no Tramagal em 2000. A sua primeira ligação à Vila "metalúrgica" surge em 1988 como Enfermeiro do TSU. Munido da sua primeira câmera digital, em 2009 e com a passagem à situação de reserva, começou a registar a fauna do Vale do Tejo, a natureza e o património edificado da região, as ruas, as pessoas... Com colaborações regulares em jornais da região e nacionais este autodidata acaba por conseguir o reconhecimento público, materializado em alguns prémios. Foi galardoado na 8ª Gala de Cultura e Desporto de Tramagal na categoria de Artes Plásticas (Fotografia) em 2013.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).