- Publicidade -

Ponte de Sor | Festfado 2020 arranca esta sexta-feira

É já esta sexta-feira, dia 31 de janeiro, que tem início a edição de 2020 do Festfado Alto Alentejo em Ponte de Sor. Pelo quinto ano consecutivo o fado está de regresso ao palco do Teatro-Cinema da cidade, até ao mês de junho, sempre na última sexta-feira do mês, com concurso para novos talentos e nomes consagrados.

- Publicidade -

Na primeira Gala do Festfado Alentejo 2020 , para além dos concorrentes, atuará o Padre José Luís Borga, o fadista José Geadas , a fadista anfitriã Dora Maria, e a Banda Filarmónica de Galveias.

Os bilhetes estão à venda na loja do Eléctrico Futebol Clube, no Estádio Municipal.

- Publicidade -

“É um evento que traz apreciadores do fado até à nossa cidade e tem tido um crescimento notável e uma notoriedade considerável”, disse a vereadora da cultura no município alentejano, Alda Falca, em declarações à agência Lusa.

Constituído por seis galas ao longo de seis meses, o Festfado inclui em cada espetáculo um concurso dedicado aos novos talentos e a atuação de “uma voz consagrada do fado”.

“Em todas as galas há participantes oriundos de vários pontos do país e há concorrentes escolhidos pelo público, saindo em cada uma delas um vencedor. Na gala final, a sexta, reúnem-se todos os concorrentes vencedores das galas anteriores para eleger o vencedor do Festfado do ano”, explicou.

De acordo com a autarca, os vencedores das anteriores edições do festival têm desenvolvido “um caminho com alguma notoriedade”, após terem participado nesta iniciativa.

No que diz respeito aos cabeças de cartaz da edição deste ano, está prevista para a primeira gala, no dia 31 deste mês, a atuação do fadista José Geadas.

A segunda gala, a 28 de fevereiro, conta com a fadista Maria Nazaré, ao passo que no terceiro espetáculo, a 27 de março, Emanuel de Moura é o “nome forte”.

Na quarta gala, a 24 de abril, a fadista Luana será a cabeça de cartaz, Os Marialvas encabeçam a gala do dia 29 de maio, fechando a iniciativa no dia 26 de junho com a atuação de Anabela.

Todos os espetáculos que vão decorrer no Teatro Cinema de Ponte de Sor têm início às 21:30.

c/Lusa

A sua formação é jurídica mas, por sorte, o jornalismo caiu-lhe no colo há mais de 20 anos e nunca mais o largou. É normal ser do contra, talvez também por isso tenha um caminho feito ao contrário: iniciação no nacional, quem sabe terminar no regional. Começou na rádio TSF, depois passou para o Diário de Notícias, uma década mais tarde apostou na economia de Macau como ponte de Portugal para a China. Após uma vida inteira na capital, regressou em 2015 a Abrantes. Gosta de viver no campo, quer para a filha a qualidade de vida da ruralidade e se for possível dedicar-se a contar histórias.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
O seu nome

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).