Ponte de Sor | Corporação de luto pela morte do bombeiro Rui Silva

Bombeiros Voluntários de Ponte de Sor. Créditos: DR

Bombeiro de 53 anos, Rui Silva, operacional do quadro ativo na categoria de especialista dos Bombeiros Voluntários de Ponte de Sor, morreu esta terça-feira, 13 de outubro, provavelmente vítima de complicações cardíacas.

PUB

Rui Silva faleceu no quartel, “estava na camarata, a descansar, e quando foi encontrado inanimado, depois de avaliado, verificou-se estar em paragem cardiorespiratória. Desencadearam-se todas as manobras habituais de reanimação… mas infelizmente não foi possível”, contou ao mediotejo.net o comandante dos Bombeiros Voluntários de Ponte de Sor, Simão Velez.

Natural do concelho vizinho de Gavião, da freguesia de Margem, residia em Ponte de Sor, “sendo pai de um filho também ele bombeiro […] Alguns profissionais que cuidam dos outros não deviam morrer cedo”, lamentou o comandante.

PUB

Simão Velez falou num “ambiente de uma segunda família que ainda se vive nestas organizações. Os momentos de risco e as situações limite” que os bombeiros vivem com regularidade, nomeadamente na época de incêndios “proporciona uma relação diferenciada das existentes em outros locais de trabalho”.

O bombeiro Rui Silva, do corpo de Bombeiros de Ponte de Sor. Créditos: DR

Neste “momento difícil”, o comandante descreveu Rui Silva como “um operacional muito ativo, um contributo muito significativo no combate aos incêndios. Fazia parte das equipas de emergência. É uma perda terrível para o corpo de bombeiros do ponto de vista profissional, mas essencialmente pela perda de um companheiro”.

PUB

Simão Velez indicou que o corpo de bombeiros de Ponte de Sor contou com “apoio da Unidade de Apoio Psicológico do INEM e também da ANEPC, das equipas de apoio psicossocial”.

Na sua página na rede social Facebook, a corporação já veio lamentar o falecimento endereçando à família “os sentidos pêsames, ao Gonçalo, filho e nosso companheiro um abraço sentido”.

O corpo de Rui Silva encontra-se no Instituto de Medicina Legal de Portalegre para autópsia e, neste momento, é desconhecida a data das cerimónias fúnebres.

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).

- publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here