Ponte de Sor | 100 anos de aviação celebrados com 1º Encontro da História da Aeronáutica em Portugal

No coração do cluster aeronáutico português, em Ponte de Sor, o passado e o futuro do setor encontram-se no próximo sábado, dia 16 de novembro, num evento pioneiro em que a memória, o investimento e o espetáculo da aviação se juntam num só programa.

PUB

Em 1919, a inauguração do Campo de Aviação, ou ‘Campo de Aterrissagem’, de Ponte de Sor, foi um acontecimento histórico em Portugal, relatado na primeira página dos jornais. Cem anos depois, no próximo sábado, 16 de novembro, Ponte de Sor traz de volta este momento único, num dia de celebração do passado mas também do futuro da aeronáutica no nosso país – um setor que vale já 1,5% do PIB nacional, número que se estima que duplique nos próximos cinco anos.

No 1.º Encontro da História da Aeronáutica em Portugal, que preenche toda a manhã de sábado, no Centro de Artes e Cultura de Ponte de Sor, dá-se a conhecer e festeja-se uma aventura pelos primórdios da aviação nacional e pelo papel central da cidade nesta epopeia aérea, fazendo, ao mesmo tempo, a ponte com o amanhã da indústria. Historiadores, investigadores, oficiais da Força Aérea (entre eles uma Capitão) e players do setor vão discutir a história e o futuro da aviação na região e em Portugal.

PUB

Para o presidente da Câmara Municipal, Hugo Hilário, “como coração do cluster aeronáutico no nosso país, Ponte de Sor tem crescido fortemente nesta área nos últimos anos, com um conjunto de investimentos, com o forte exemplo do nosso Aeródromo Municipal e todas as suas empresas sediadas, e iniciativas que colocam Portugal na rota internacional do setor. 2019 assinala um momento importante para a cidade e 16 de novembro será um ponto alto nesta viagem”.

A consolidação da Portugal Air Summit como o maior e mais importante evento aeronáutico do País, a concretização dos investimentos na área da fabricação de peças em compósito para a Airbus, ou o início da expansão do centro de acolhimento empresarial do aeródromo municipal, marcam 2019, segundo a autarquia.

PUB

Acrescenta por isso o autarca: “A realização em Ponte de Sor do 1.º Encontro da História da Aeronáutica em Portugal mostra a grande dinâmica deste nosso cluster. E confirma que, a exemplo do que já sucede com a captação de investimento neste setor, somos também cada vez mais referência para os principais eventos, sendo o expoente máximo a Portugal Air Summit”.

Inaugurado pelo anfitrião, Hugo Hilário, o programa levanta voo com Lourenço Henriques-Mateus e Mário Madeira, que trazem as ‘Memórias do dia da 1.ª ascensão tripulada sobre solo Português: o Capitão Vincenzo Lunardi e o seu pioneirismo (24 de agosto de 1794)’.

No programa estão ainda as intervenções da Capitão da Força Aérea e conservadora do Museu do Ar, Luísa Abreu, sobre ‘A Aviação Militar Portuguesa: da experiência de guerra à consolidação da aviação nacional’; de Lourenço Henriques-Mateus, que se centrará no ‘Campo Internacional de Aterragem (1919-1936): factos e figuras dos primórdios da Aviação Comercial Portuguesa’; de João Moura Ferreira, que falará do projeto ‘Lusitânia 100 Anos’; e, finalmente, de Ana Isabel Silva e Carlos Manuel Faísca, contando a história de ‘Um voo interrompido: 100 anos da criação do Campo de Aviação de Ponte de Sor’.

Na tarde de sábado, as atenções voltam-se para o exterior, para o Festival Internacional de Balões de Ar Quente, junto aos Paços do Concelho, cenário que receberá depois, a partir das 19h00, o espetáculo de Night Glow, com os balões iluminados.

Durante a tarde será ainda assinado um protocolo entre a Câmara Municipal de Ponte de Sor, Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil e Aero Club de Ponte de Sor.

A celebração termina com a 7ª edição dos Prémios APPLA, que visam reconhecer, estimular e incentivar o profissionalismo, a solidariedade, o altruísmo, o espírito pioneiro e de abnegação no âmbito de várias vertentes da vida, em especial no que concerne à Aeronáutica. A cerimónia da APPLA, terminará com a participação do músico Mico da Câmara Pereira.

VEJA AQUI O PROGRAMA COMPLETO

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).

pub

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here