Ourém: Transportes escolares reforçados para minorar tempos de viagem

O Agrupamento de Escolas de Ourém agrega cerca de 2400 alunos, do pré-escolar ao secundário. FOTO: mediotejo.net

No âmbito da abertura do ano letivo, a Câmara de Ourém procedeu ao reforço de alguns transportes escolares, por forma a diminuir tempos de viagem e afastamento das escolas. Deste modo, em Caxarias criaram-se mais três rotas, a título experimental, e em Ourém os alunos deixam de ficar na Rodoviária para passarem a ser deixados à porta da Escola Básica e Secundária.

PUB

As novas rotas foram à reunião privada de 16 de setembro e explicadas aos jornalistas num reunião informal a 19 de setembro com o presidente da Câmara, Paulo Fonseca. “Há um problema crónico de transportes do concelho”, explicou o autarca, pelo que se procuraram amenizar algumas situações. “Há alunos que se levantam às 6 horas para ir às aulas”, deu como exemplo.

O caso mais grave seria o do transporte para a Escola EB 2,3 Cónego Dr Manuel Lopes Perdigão, em Caxarias. Segundo informação dos serviços municipais, após requisito pela comunicação social, esta instituição “tem manifestado a necessidade da adopção de um circuito específico de transportes para a Escola E/B 2,3 dado que os horários do serviço público de transporte não são ajustados à necessidades dos alunos que frequentam a escola que dirige”. Assim “no presente ano lectivo considerou a possibilidade de o início das aulas atrasar 30”, isto é, em vez das 8h30 (horário habitual) passar para as 9 horas, desde que se conseguisse a implementação de um circuito específico ajustado às necessidades dos alunos”.

PUB

Após a análise do caso, a empresa concessionária elaborou uma proposta de implementação de três novos circuitos, sendo que a mesma implica um custo de 39.600,00 euros, mais IVA a 6% ao município. “Neste contexto, deixamos à consideração superior a adopção destes circuitos, a título experimental, neste ano lectivo, devendo fazer-se uma avaliação sobre a satisfação dos agentes educativos no mês de Junho/2017”, termina a informação municipal.

Os alunos que frequentam a Escola Básica e Secundária de Ourém e apanham o transporte coletivo também estão a sofrer uma alteração na sua viagem, passando a ser largados e apanhados junto ao estabelecimento escolar. Noutros anos os jovens eram deixados na Rodoviária de Ourém, o que os obrigava a um percurso com perto de um quilómetro até à escola, mesmo em dias de chuva.

PUB

Este ano “o Município de Ourém implementou, com a colaboração da Rodoviária do Tejo, do Agrupamento de Escolas de Ourém e da PSP, a largada e tomada dos alunos inscritos nos transportes escolares junto à Escola Básica e Secundária de Ourém, no sentido de melhorar as condições de segurança dos mesmos”.

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).

pub

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here