Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Quinta-feira, Julho 29, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Ourém | Rotary Club de Fátima premeia talento na escrita criativa (c/vídeo)

No 7º ano, ficou em segundo lugar; no 8º ano, em primeiro; agora no 9º ano, novamente em primeiro lugar. Marta Chainho recebeu o primeiro prémio do Escalão A ( 7, 8, 9º ano) nesta 17ª edição do concurso de escrita criativa, promovido pelo Rotary Club de Fátima.

- Publicidade -

Nesta entrega de prémios alusivos ao “centenário de Fátima”, foram ainda distinguidas no escalão do Secundário, Ana Filipa Parochinha (primeiro lugar) e Ana Filomena Mendes (segundo lugar). Apenas Eduarda Inácio, classificada em segundo lugar no escalão A, não esteve presente para receber o prémio, a 26 de Junho, recebendo-o posteriormente.

Talento, criatividade, são a nota dominante dos textos vencedores desta edição que ditou vencedoras quatro jovens, todas raparigas. Francisco Moita Flores foi o presidente do júri do concurso, pela segunda vez consecutiva, presente na entrega dos diplomas e respectivos prémios monetários (250 euros para o primeiro classificado, 150 euros para o segundo).

- Publicidade -

Ana Rita Parochinha agradeceu ao estabelecimento de ensino que frequenta, o CEF, por ter sido ali que a ajudaram a desenvolver o gosto pela escrita. “Nunca esperei”, disse, referindo-se ao prémio ganho.

Filomena Mendes, participante no programa “The Voice Portugal” , agradeceu esta “experiência maravilhosa” e “esta oportunidade que dão a todos os jovens”, já que a escrita é “uma maneira fantástica de desvendar as profundezas da natureza humana”.

A vencedora pela terceira vez consecutiva, Marta Chainho, salientou a importância do concurso, desafiando a organização a continuar a promovê-lo, realçando que “incentiva-nos muito”.

Rotary Club de Fátima entrega lembrança a Moita Flores. Foto: mediotejo.net

Língua portuguesa: “Os nossos afectos”
”Quando falamos da língua portuguesa, estamos a falar dos nossos afectos, estamos a falar da criação e da nossa capacidade criativa e reprodutora,não só através do corpo como através da nossa inteligência”, defende Francisco Moita Flores. O presidente do júri, também escritor, antigo inspector da Polícia Judiciária, sublinhou a qualidade dos escritos avaliados, frisando que são “textos muito bonitos, muito bem construídos”. Aliás, “quando se chega ao estádio a que chegaram estas meninas já é a lingua portuguesa trabalhada por um mestre”, assinala o também autor.
Moita Flores lembrou ainda que o português é a quinta língua mais falada no hemisfério sul”. E em Fátima, “é um milagre deste povo tão pequenino, tão pobre”, afirmou.
“Acreditem que se lerem, seguramente vão escrever e vão escrever bem”, afirmou Eugénio Lucas, elemento responsável pelo concurso, antes da apresentação dos vencedores, referindo-se à relação directa entre a leitura e a escrita.

António Gameiro e João Marques. Fptp: mediotejo.net

João Marques, novo presidente rotário
João Marques é o presidente do Rotary Club de Fátima no ano 2017/2018. A cerimónia de transmissão de tarefas ocorreu no final do jantar que assinala o final do ano rotário, tendo o anterior presidente, o deputado António Gameiro, apresentado uma resenha das actividades efectuadas em que se penitenciou por alguma “falta de visibilidade“ dada ao clube.
A quem lhe sucede, Gameiro teceu os maiores elogios apresentando-o como “homem de trabalho”, de “projectos, rasgo e visão”. Quando ao futuro, João Marques, 42 anos, ligado à banca, considera que “é uma honra” assumir este mandato de um ano e, garanteque irá “pedir a ajuda” dos companheiros rotários para o ano rotário que se avizinha.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome