Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Sábado, Julho 24, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Ourém: O Japão e o mundo ocidental encontram-se este sábado em Fátima

A cidade de Fátima integra o itinerário do Encontro dos Descobrimentos em que o Japão e o mundo ocidental se encontram. Os participantes da iniciativa organizada com o objetivo de fortalecer as relações e a ética empresariais chegam à cidade no dia 25 para conhecer as oportunidades de investimento do concelho e confraternizar com o presidente da autarquia oureense, Paulo Fonseca, e alguns empresários da região.

- Publicidade -

O Encontro dos Descobrimentos, entidade promotora da segunda edição do evento dedicada ao Japão e Mundo Ocidental, incluiu a cidade de Fátima no itinerário da viagem de quatro dias que reúne empresários interessados nas potencialidades das relações comerciais e culturais entre o Japão, Portugal e Brasil.

A iniciativa tem início a 24 de junho em Lisboa, de onde os participantes seguem no dia seguinte até Fátima para uma visita ao Santuário e ao Museu do Milagre de Fátima. O resto do dia é passado na cidade com a apresentação das “Oportunidades de investimento em Ourém/Fátima como entrada para a União Europeia”, seguida de um jantar de confraternização com o presidente da Câmara Municipal, Paulo Fonseca, e empresários da região.

- Publicidade -

O grupo pernoita no concelho antes de continuar a viagem que passa pelo Porto, Guimarães, Régua, Coimbra e termina em Cascais. O 63º Encontro dos Descobrimentos – O Japão e o Mundo Ocidental (2ª edição) inclui encontros empresariais e com entidades públicas municipais, mostras de produtos regionais, palestras e entrega de homenagens, atividades culturais e visitas a instituições de investigação e museus.

Nasceu em Vila Nova da Barquinha, fez os primeiros trabalhos jornalísticos antes de poder votar e nunca perdeu o gosto de escrever sobre a atualidade. Regressou ao Médio Tejo após uma década de vida em Lisboa. Gosta de ler, de conversas estimulantes (daquelas que duram noite dentro), de saborear paisagens e silêncios e do sorriso da filha quando acorda. Não gosta de palavras ocas, saltos altos e atestados de burrice.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here