PUB

Ourém | Mercados Ecorurais reabrem sem medos mas muitas medidas de prevenção (c/video)

A Câmara de Ourém decidiu reabrir este domingo, 19 de abril, os Mercados Ecorurais, assim como o mercado municipal na próxima quinta-feira, dia 23. Aos produtores locais o município distribuiu máscaras, luvas e viseiras, para que se protejam e aos clientes, mas todos eles vinham de algum modo prevenidos. Os clientes mantinham um a dois metros de distância entre si e da banca, onde só o produtor mexia. No geral, há um sentimento de que é altura de sair de casa. Mas com cautelas.

PUB

A banca de Amélia Marques, natural de Ourém, está recheada de coisas apetitosas: bolos, doces, tremoços, etc. Alguns passantes aproximam-se da banca e fazem fila, mantendo a distância entre si. Todos usam máscara. Amélia calça umas luvas e é ela quem enche os sacos e entrega à clientela. Quando passar o presidente da Câmara de Ourém, Luís Albuquerque, vai receber uma máscara e uma viseira, que coloca de imediato, com alguma ajuda da equipa municipal. Vai ser um desafio trabalhar muitas horas com tanto equipamento, reflete, mas a segurança está em primeiro lugar.

Funcionária das Finanças, Amélia Marques refere que continua a ir trabalhar todos os dias, pelo que não viu problemas em reabrirem os Mercados Ecorurais. “Se nos convidaram e até oferecem proteção, porque não?”, constata. “É um começo”, reflete, considerando que se tanto os vendedores como os clientes respeitarem as medidas de prevenção e a distância não haverá problema de maior.

PUB

Presidente Luís Albuquerque entregou equipamentos de proteção aos vendedores Foto: mediotejo.net

Rui Baptista, empresário de Ourém, passou por ali para comprar batatas. Tem a empresa fechada há cinco semanas. Começa a relativar o risco, o qual, constata, vai sempre existir. “Não podemos ficar em casa”, comenta.

Isabel Graça, artesã a vender os seus cestos de vime, veio pelo convívio e para mostrar sobretudo o seu trabalho, não tanto para vender. “Usando as nossas proteções, acho que estamos bem”, considera.

Também Joaquim Isabel, vendedor de frescos locais, defende que cumprindo as regras não haverá problemas de abrir os mercados. O equipamento que recebeu do município, garante, vai usá-lo só para os Mercados Ecorurais de Ourém. Há várias semanas que usa máscara e afirma que deve ser apenas o vendedor a mexer nos produtos e a entregá-los num saco ao cliente. Os mais velhos, porém, nem sempre respeitam estas regras, constata.

O dia parecia que iria ser fraco quando o mercado abriu às 08h30, mas à medida que a manhã avançava foram-se instalando mais bancas. De forma tímida mas gradual, também alguma cliente foi surgindo. Nenhum dos vendedores esperava fazer particular negócio, mas todo o lucro advindo, assim como a possibilidade de escoar os produtos, era bem-vindo.

Mercados ecorurais reabrem este domingo em Ourém

Publicado por mediotejo.net em Domingo, 19 de abril de 2020

A Câmara de Ourém decidiu seguir o exemplo de alguns municípios envolventes e abrir os seus mercados. Segundo referiu Luís Albuquerque ao mediotejo.net, o mercado Ecorural não tem por tradição uma grande concentração de pessoas. Já o mercado de quinta-feira vai reabrir com um conjunto de restrições, que serão anunciadas esta segunda-feira, 20 de abril.

O município distribuiu equipamento de proteção pelos vendedores, explicando como devem ser usados e as medidas de precaução manter. A maioria dos produtores locais habituais, cerca de uma dezena, compareceram a esta reabertura.

PUB
PUB
Cláudia Gameiro
Cláudia Gameiro, 32 anos, há nove a tentar entender o mundo com o olhar de jornalista. Navegando entre dois distritos, sempre com Fátima no horizonte, à descoberta de novos lugares. Não lhe peçam que fale, desenrasca-se melhor na escrita

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).