Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -
Quinta-feira, Setembro 23, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Ourém | Instituições de saúde da região homenageadas no Dia do Município

O Dia do Município de Ourém, 20 de junho, domingo, tem este ano uma agenda recheada, em parte devido aos 30 anos de elevação de Ourém a cidade. No que toca às distinções honoríficas, o Centro Hospitalar do Médio Tejo, o Centro Hospitalar de Leiria e o Agrupamento de Centros de Saúde do Médio Tejo destacam-se entre os homenageados. Há ainda tempo para inaugurar o novo passadiço do Agroal e estabelecer um protocolo de apoio aos migrantes, com a presença da Secretária de Estado para a Integração e Migrações.

- Publicidade -

O programa tem início às 10h00 com a cerimónia do hastear das bandeiras. Pelas 10h30, no Teatro Municipal, decorre a sessão solene, com as tradicionais distinções honoríficas. Além das medalhas de bons serviços aos funcionários com 25 anos de casa, o município distingue com a medalha de mérito municipal Mário Pereira (bombeiro), José Nunes Martins (delegado de saúde pública), Rui Melo (a título póstumo, assessor de comunicação do município), Benevenuto Dias (a título póstumo, pároco de Freixianda), Centro Hospitalar do Médio Tejo, Centro Hospitalar de Leiria, Agrupamento dos Centros de Saúde do Médio Tejo, Ana San Bento (delegada de saúde pública), Carlos Santos Pereira (título póstumo, jornalista correspondente de guerra), Luís Vieira Marques (título póstumo, Casa do Povo de Fátima), Bela Noiva (empresa).

Segue-se depois a assinatura do protocolo para a criação do CLAIM – Centro Local de Apoio à Integração de Migrantes. O momento conta com a presença da Secretária de Estado para a Integração e Migrações, Cláudia Pereira.

Da parte da tarde, pelas 15h00, decorre a inauguração do passadiço do Agroal, com hastear da bandeira azul e bandeira de qualidade ouro na praia fluvial.

Pelas 18h30 tem lugar a cerimónia comemorativa dos 30 anos da cidade de Ourém, no edifício-sede do município.

Cláudia Gameiro, 32 anos, há nove a tentar entender o mundo com o olhar de jornalista. Navegando entre dois distritos, sempre com Fátima no horizonte, à descoberta de novos lugares. Não lhe peçam que fale, desenrasca-se melhor na escrita

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome