Ourém/Fátima | Um mercado de Natal europeu no parque 13 do Santuário (c/vídeos e fotos)

A Escola de Hotelaria de Fátima (EHF) traz a Fátima até dia 7 de dezembro, quinta-feira, o evento “Natal na Europa” (Christmas in Europe). Na sua 26ª edição, esta é uma iniciativa da AEHT – Associação Europeia de Escolas de Hotelaria e Turismo, que junta escolas de hotelaria de toda a Europa para uma semana de troca de experiências. No domingo, dia 3, foi inaugurado no parque 13 do Santuário de Fátima o espaço do certame, que estará aberto ao público até terça-feira, dia 5, com showcookings, exposições, artesanato, concertos, entre outras atividades de 21 escolas de hotelaria de 13 países europeus.

O “Natal na Europa” arrancou com uma parada das escolas de hotelaria na tarde de domingo, que percorreu as ruas da cidade, com uma paragem no Santuário. Seguiu-se a abertura da tenda instalada no parque 13 (por trás do posto de turismo), onde os cerca de 120 participantes de escolas de hotelaria europeias ocuparam as suas bancas, apresentando os produtos natalícios típicos dos seus países.

Christmas on Europe Fátima. Parada arranca com 21 escolas de hotelaria europeias que vão percorrer a cidade. Pelas 16h30, no parque 13, é inaugurada a feira de Natal.

Publicado por mediotejo.net em Domingo, 3 de Dezembro de 2017

PUB

“Trouxemos bolos de Natal típicos, bacon, queijo, fiambre, bebidas”, enumerou ao mediotejo.net Klaus Enengl, diretor de uma escola de turismo em Bad Ischl, na Áustria. Para o responsável, a iniciativa “Natal na Europa” é importante para que os alunos adquiram novas aprendizagens culturais, contactos, assim como partilha de conhecimentos nas suas áreas de estudo.

Com este evento, Klaus Enengl já teve a oportunidade de percorrer vários países europeus, regressando a Portugal ao fim de uma década. “Somos regulares nesta iniciativa, mas é a primeira vez dos meus alunos”. O evento, salienta, também permite aos alunos “falar as línguas estrangeiras”.

Os representantes da Estónia também traziam doces locais para apresentar aos portugueses, mas as malas perderam-se na viagem, contou ao mediotejo.net Kart Laeneste, 20 anos, aluna de 3º ano de cozinha. A banca contava assim no domingo apenas com a boa disposição e música das alunas presentes, que visitam pela primeira vez Portugal.

Kart Laeneste esperava poder aprender mais sobre outras culturas e aproveitar ao máximo a oportunidade. As tradições de Natal, constatou ao mediotejo.net, não divergem muito das do seu país. “Comemos, trocamos prendas”, sintetizou.

Num evento onde todos falam inglês, distribuem-se gratuitamente doces e bebidas para quem quiser visitar o espaço e conhecer as tradições e a gastronomia de 13 países europeus, estando também presentes representantes de Ponta Delgada. Haverá ainda a oportunidade de participar em showcookings.

Na abertura oficial foi lembrado pelos vários intervenientes a memória de Francisco Vieira, diretor da INSIGNARE – Associação de Ensino e Formação, falecido recentemente, que teve há alguns anos a ideia de trazer o “Natal na Europa” a Fátima em ano de centenário das aparições.”Sabíamos que seria um evento inesquecível num local tão simbólico”, afirmou Ana Paula Pais, vice-presidente da AEHT.

Já Luís Albuquerque, presidente da Câmara de Ourém, deixou as boas-vindas às escolas. “Que tenham dois dias de partilha e convívio”, referiu.

Tributo Ze Pedro – abertura Christmas on Europe Fátima

Publicado por mediotejo.net em Domingo, 3 de Dezembro de 2017

 

 

 

PUB
Cláudia Gameiro
Cláudia Gameiro, 32 anos, há nove a tentar entender o mundo com o olhar de jornalista. Navegando entre dois distritos, sempre com Fátima no horizonte, à descoberta de novos lugares. Não lhe peçam que fale, desenrasca-se melhor na escrita

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).