Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Domingo, Julho 25, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Ourém: Djumbai Djazz fecha temporada de concertos no Torreão do Castelo

A temporada de concertos no Torreão do Castelo teve início no passado mês de abril e o local transformou-se no palco de Josephine Foster, Rodrigo Amaro Motion Trio e Tó Trips. O último espetáculo realiza-se este sábado, dia 27, e leva à Vila Medieval de Ourém os ritmos guineenses de Djumbai Djazz, projeto do músico Maio Coopé.

- Publicidade -

A temporada de concertos no Castelo de Ourém termina este sábado com o espetáculo de Maio Coopé. O torreão recebe o grupo Djumbai Djazz, projeto fundado em 1999 em que o músico guineense revisita os ritmos tradicionais da sua terra natal.

Estilos como o Ngumbé, Brocxa e Djambadon, as canções que Maio Coopé escutava na infância durante as reuniões noturnas dos mais velhos junto da fogueira e as sonoridades da África Ocidental começam a fazer-se ouvir na Vila Medieval a partir das 21h30.

- Publicidade -

O Torreão do Castelo já foi palco de três noites com sonoridades muito diferente desde o início da iniciativa, que começou a 23 de abril com a formação lírica e o acid rock da norte-americana Josephine Foster acompanhados pela guitarra portuguesa de Victor Hugo Herrero e o violoncelo de Gyða Valtýsdóttir

A 14 de maio escutou-se o jazz de Rodrigo Amaro Motion Trio pelo trompete do músico que dá nome ao grupo, a bateria de Gabriel Ferrandini e o violoncelo de Miguel Mira e a 23 de julho realizou-se o concerto que juntou Tó Trips, guitarrista e fundador dos Dead Combo, com o percussionista angolano João Doce.

Nasceu em Vila Nova da Barquinha, fez os primeiros trabalhos jornalísticos antes de poder votar e nunca perdeu o gosto de escrever sobre a atualidade. Regressou ao Médio Tejo após uma década de vida em Lisboa. Gosta de ler, de conversas estimulantes (daquelas que duram noite dentro), de saborear paisagens e silêncios e do sorriso da filha quando acorda. Não gosta de palavras ocas, saltos altos e atestados de burrice.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here