- Publicidade -

Ourém | Deputados do PS exigem concretização da ligação entre o IC9 e a A1

Os deputados do PS eleitos por Santarém – António Gameiro, Hugo Costa, Manuel Afonso e Mara Lagriminha – reivindicaram junto do governo a concretização da ligação entre o IC9 e a A1 na zona de Fátima (Ourém), tal como previsto no Plano Nacional de Investimentos 2030.

- Publicidade -

“Torna-se relevante que seja urgentemente feita a calendarização deste investimento e a sua posterior concretização, por forma a melhorar a competitividade da região e a ligação mais célere ao principal eixo Norte-Sul do país”, lê-se no texto do projeto de resolução apresentado na Assembleia da República a 30 de março pelos deputados.

“O IC9 é um elo de ligação perpendicular entre a A8 e a A13 e, apesar de cruzar uma das autoestradas com maior tráfego do país – a A1 – falha ao não permitir uma ligação direta entre estas duas vias de comunicação”, observam os deputados socialistas.

- Publicidade -

Esta situação implica um desvio de trânsito pela cidade de Fátima, de cerca de sete quilómetros, no sentido sul, ou de 13 quilómetros, por Santa Catarina da Serra, no sentido norte.

Os deputados recordam que o Plano Nacional de Investimentos prevê, no investimento R2 – Programa de construção de “Missing links” a ligação direta entre a A1 e o IC9.

“Este é um investimento estruturante já reconhecido pelo Governo e muito exigido pelos agentes económicos da região”, notam os deputados do PS.

A experiência de trabalho nas rádios locais despertaram-no para a importância do exercício de um jornalismo de proximidade, qual espírito irrequieto que se apazigua ao dar voz às histórias das gentes, a dar conta dos seus receios e derrotas, mas também das suas alegrias e vitórias. A vida tem outro sentido a ver e a perguntar, a querer saber, ouvir e informar, levando o microfone até ao último habitante da aldeia que resiste.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
O seu nome

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).

- Publicidade -