Ourém | Assembleia Municipal passa a conceder prémios e distinções

A assembleia municipal de Ourém aprovou na sessão de 27 de dezembro, quarta-feira, um novo regulamento de distinções de mérito municipal, que institui um prémio anual, um Livro de Honra e uma Chave do Município. O documento foi aprovado por maioria, com abstenção do PS, salientando-se o “perigo” de colisão com os prémios do executivo municipal.

PUB

A ordem de trabalhos iniciou pela aprovação do novo regimento da assembleia. “Relativamente ao regimento, elaborado por todas as forças políticas, as principais alterações prendem-se com a necessidade de adaptar o documento à realidade, assente numa Assembleia mais participativa e proativa, que prevê a criação de comissões e a realização de debates sobre o estado do concelho e das freguesias, perspetivando a concretização de assembleia municipais temáticas nas freguesias. Outra medida introduzida é o registo em ata da participação do público e devido seguimento aos assuntos explanados”, refere nota de imprensa, num discurso semelhante ao que foi proferido pelo presidente da mesa, João Moura.

Passou-se de seguida para a aprovação de um Regulamento de Distinções de Mérito Municipal. “Um documento que tem como objeto instituir e definir as distinções de mérito municipal da Assembleia Municipal de Ourém, com a finalidade de reconhecer as pessoas singulares ou coletivas que se notabilizem por méritos pessoais, por feitos cívicos ou que hajam patenteado exemplar dedicação à causa pública por assinaláveis serviços prestados e merecedores de público testemunho de reconhecimento e com os quais tenham dado o seu contributo, para o engrandecimento e dignificação do concelho de Ourém”, refere o mesmo texto.

PUB

João Moura adiantou que este novo documento enquadra os critérios dos votos de reconhecimento, votos de louvor, mérito municipal, instituindo ainda um Livro de Honra Municipal, um prémio anual AMOurém e a Chave de Honra do Município de Ourém.

O presidente da mesa salientaria que estas distinções não vão colidir com as do executivo, que tradicionalmente também já atribui medalhas. O PS no entanto acabaria por abster-se, com o deputado José Alho a mostrar reservas precisamente quanto à confusão que se pode gerar junto da população em torno das atribuições da assembleia municipal.

PUB

Durante a assembleia foi ainda aprovado um voto de pesar a Francisco Vieira, seguido de um minuto de silêncio. Receberam ainda votos de louvor ou reconhecimento o comandante distrital da GNR, Nuno Paulino, ao 2º comandante dos Bombeiros de Ourém, Carlos Cravo, a Sargento-chefe do posto da GNR de Fátima, Carlos Garcia, a Escola de Hotelaria de Fátima pela organização do evento “Natal na Europa” e o Município de Ourém pela organização do Congresso Internacional de Turismo Religioso e Peregrinação.

PUB
Cláudia Gameiro
Cláudia Gameiro, 32 anos, há nove a tentar entender o mundo com o olhar de jornalista. Navegando entre dois distritos, sempre com Fátima no horizonte, à descoberta de novos lugares. Não lhe peçam que fale, desenrasca-se melhor na escrita

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).