Município de Abrantes investe 300 mil euros em nova Unidade de Saúde Familiar

A Câmara de Abrantes ratificou hoje a minuta do contrato de construção da nova Unidade de Saúde Familiar (USF) de Rossio ao Sul do Tejo, uma empreitada avaliada em mais de 300 mil euros.

PUB

A construção deste equipamento de saúde, com capacidade para 5.000 utentes, tem um prazo de execução estimado de 210 dias (sete meses), segundo informação divulgada pela autarquia.

Será construído um edifício com 300 metros quadrados e um piso, no local do antigo edifício do mercado diário do Rossio, que se encontra desativado.

PUB

O imóvel atual será demolido.

A autarquia nota que o investimento “visa oferecer modernas infraestruturas”, uma vez que as atuais instalações da extensão de saúde “não asseguram um acolhimento humanizado e um atendimento compatível com os modernos padrões definidos para o Serviço Nacional de Saúde”.

PUB

Segundo o executivo liderado pela socialista Maria do Céu Albuquerque, esta será “mais uma resposta para atenuar o problema da falta de médicos de família no concelho” de Abrantes, esperando-se que, “com esta nova construção, fiquem criadas condições para formalização de mais uma equipa USF”, com médicos, enfermeiros e administrativos.

usf
O largo existente junto ao antigo mercado vai ser requalificado para a criação de lugares de estacionamento. Foto: mediotejo.net

O largo existente junto ao antigo mercado vai ser requalificado para a criação de lugares de estacionamento.

A construção, adjudicada à empresa GAR-FIVE, Lda. pelo valor de 307.172 euros, acrescido de Imposto sobre o Valor Acrescentado (IVA) à taxa legal em vigor, é da responsabilidade da autarquia de Abrantes, em colaboração com a Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo (ARSLVT).

O investimento tem financiamento assegurado através dos Investimentos Territoriais Integrados (ITI).

A CDU votou contra esta obra, salientando não concordar “com a fonte de financiamento desta obra”, que, no seu entender, “deveria ser da responsabilidade do Ministério da Saúde”.

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).

pub

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here