“Multas e som alto”, por Hália Santos

Ontem foi um grande dia… Ah foi? Porquê? Porque finalmente percebi por que é a que a miúda está sempre a dizer que não tem culpa de o som da televisão estar horrivelmente alto quando ela passa para o comando.

PUB

Por intuição, já tinha percebido que o faziam com a publicidade, mas não sabia que também aumentavam o som da televisão quando estão a dar programas infantis. A sério? Querem que os miúdos fiquem surdos? Pois… não sei.

O que sei é que ontem li uma notícia que dizia que os canais que aumentarem o som durante os programas infantis e durante a publicidade podem ser multados até 150 mil euros. O melhor mesmo é deixarem de o fazer. Um dia destes já não há publicidade na televisão. Já ninguém a vê. Anda tudo a ver televisão à sua medida. Ainda bem! Já não somos escravos das grelhas e dos apetites dos senhores que gostavam de decidir o que nós devíamos ver quando eles queriam.

PUB

Pois, mas, por causa disso, agora temos que levar com publicidade em todo o lado. Já não bastava os programas da manhã e depois as telenovelas, agora até nos noticiários os jornalistas nos impingem produtos. Pois, mas, se não for assim, deixas de ter televisão generalista. Ninguém aguenta com os custos de produção. Está bem, está!

E por falar no dia de ontem, já tens a caderneta? Qual caderneta? A dos pontos. Ahahahah! A carta de condução!! A ideia é boa, porque certas pessoas só param mesmo quando tem que ser. Mas quem cumpre vai continuar a cumprir e se tiverem um azar ou uma distração levam pela mesma medida que os outros, os especialistas.

PUB

Os polícias andaram ontem nas estradas a explicar como funciona a carta por pontos. Isso foi só encenação para a televisão. Eles lá sabem que é a melhor maneira de chegar às pessoas. Será que conseguiram pedir aos canais de televisão para aumentarem o som na altura em que passaram essas reportagens? Ui, que ainda apanham uma multa!!! Quem? Os polícias?

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).

pub

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here