Médio Tejo | TAGUS promove sessão de esclarecimento do programa + CO3SO Emprego

Esta quarta-feira, dia 5 de agosto, às 17:00, a TAGUS – Associação para o Desenvolvimento Integrado do Ribatejo Interior vai dinamizar uma sessão de divulgação do + CO3SO Emprego, em formato de videoconferência, via plataforma na Internet. O objetivo é dar a conhecer as oportunidades de apoio à criação de novos postos de trabalho para empresas e entidades da economia social do Sistema de Apoio ao Emprego e Empreendedorismo.

A sessão sobre este novo apoio, previsto no Programa Operacional do Centro (Centro 2020), cofinanciado pelo Fundo Social Europeu (FSE), e operacionalizado pela TAGUS no Ribatejo Interior, é dirigida a micro e pequenas empresas, Empresários em Nome Individual, a entidades que operam a área social, como cooperativas, associações mutualistas, misericórdias, fundações, instituições particulares de solidariedade social, associações com fins altruísticos que atuem no âmbito cultural, recreativo, do desporto e do desenvolvimento local, entidades abrangidas pelos subsectores comunitário e autogestionário, integrados nos termos da constituição no sector cooperativo e social, e outras entidades dotadas de personalidade jurídica, que respeitem os princípios orientadores da economia social.

A sessão, que contará com o presidente da direção e a coordenadora da TAGUS, é gratuita, mas de inscrição obrigatória em www.tagus-ri.pt, para que seja fornecido um endereço na Internet de acesso à videoconferência.

PUB

Relembramos que a TAGUS está a receber candidaturas aos + CO3SO Emprego Interior e Empreendedorismo Social. As duas modalidades somam 751 176,80 euros para comparticipar integralmente, até um máximo de 36 meses, os custos diretos com os postos de trabalho a criar, e uma taxa de 40 por cento para financiar outros custos, associados diretamente ao posto de trabalho.

Estes avisos de período de candidatura aos apoios, no âmbito do Portugal 2020 e cofinanciados pelo FSE, já estão abertos para projetos a implementar em Abrantes, Constância e Sardoal e podem ser consultados no sítio na Internet da TAGUS (www.tagus-ri.pt), assim como os respetivos anexos.

O aviso do + CO3SO Emprego Interior, destinado a empresas, termina a 16 de novembro. Têm como objetivo a criação, expansão ou modernização de micro e pequenas Empresas, o qual deverá envolver a criação líquida de postos de trabalho e um projeto de investimento, entendendo-se como “plano de investimentos” a identificação da estratégia de investimento associada a criação dos postos de trabalho.

Já o do + CO3SO Emprego Empreendedorismo Social, destinado a entidades da economia social, encerra a 18 de novembro e tem adjacente a concretização de um projeto de empreendedorismo social, com uma índole económico-social e a criação líquida de postos de trabalho, enquadrado na Estratégia de Desenvolvimento Local da TAGUS.

Em nota de imprensa a TAGUS aconselha os potenciais beneficiários destes apoios a consultarem os avisos, os anexos e a legislação aplicável, em www.tagus-ri.pt, de forma a sessão possa ser mais proveitosa. Após a sessão de divulgação pode, ainda, solicitar reunião com a Equipa Técnica, através dos contactos da Associação, nomeadamente pelo email tagus@tagus-ri.pt ou pelo telefone 241 106 000.

PUB
Paula Mourato
A sua formação é jurídica mas, por sorte, o jornalismo caiu-lhe no colo há mais de 20 anos e nunca mais o largou. É normal ser do contra, talvez também por isso tenha um caminho feito ao contrário: iniciação no nacional, quem sabe terminar no regional. Começou na rádio TSF, depois passou para o Diário de Notícias, uma década mais tarde apostou na economia de Macau como ponte de Portugal para a China. Após uma vida inteira na capital, regressou em 2015 a Abrantes. Gosta de viver no campo, quer para a filha a qualidade de vida da ruralidade e se for possível dedicar-se a contar histórias.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).