Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Sábado, Setembro 25, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Médio Tejo | Preço da habitação subiu 7,3% num ano na região

Em média, o valor por metro quadrado da comercialização de alojamentos no 3º trimestre de 2020, subiu 7,3% no Médio Tejo face ao mesmo período do ano anterior, segundo os mais recentes dados do Instituto Nacional de Estatística.

- Publicidade -

No período em análise, o preço de alojamentos familiares na região aumentou, em termos médios, 43 euros por m2. Dos 13 municípios que compõem o Médio Tejo, apenas em três o preço médio da habitação baixou: Alcanena, Constância e Mação.

Ourém é o município onde a habitação é mais cara, mais do que na própria capital do distrito. Atingiu uma média de 892 euros /m2 no 3º trimestre de 2020, mais do dobro do que em Vila de Rei ou Constância, e mais do triplo do que em Mação, o que se explica, em grande medida, pelo fenómeno de Fátima.

- Publicidade -

Vila Nova da Barquinha é o segundo concelho da região onde a habitação é mais cara, também acima dos valores praticados em Santarém, tal como acontece em Tomar, terceiro concelho da região com os preços de habitação mais elevados.

Depois da capital dos Templários, é em Ferreira do Zêzere que a habitação é mais cara (656 euros/m2) e em Torres Novas (646 euros/m2).

Mesmo em plena crise pandémica, o valor mediano das vendas por m2 dos alojamentos familiares aumentou em 10 dos 13 municípios do Médio Tejo. Foi em Vila de Rei que se registou o maior aumento, de 301 para 431 euros /m2, uma subida a rondar os 40 por cento.

Em contraponto, Constância e Mação registaram uma queda do preço da habitação também na ordem dos 40 por cento.

A nível nacional, é no concelho de Lisboa, que os preços de venda das casas são os mais elevados (3.183 euros/m2). Por regiões, o Algarve destaca-se como a zona do País onde é mais caro comprar casa (1.806 euros/m2).

Região do Médio Tejo / Valor mediano das vendas por m2 de alojamentos familiares

3.º Trimestre de 2019 3.º Trimestre de 2020
Abrantes 461 473
Alcanena 479 448
Constância 640 437
Entroncamento 527 552
Ferreira do Zêzere 584 656
Mação 344 248
Ourém 740 892
Sardoal 380 446
Sertã 576 601
Tomar 675 710
Torres Novas 606 646
Vila de Rei 301 431
Vila Nova da Barquinha 676 716
Médio Tejo 588 631

Fonte: INE

Outros concelhos / Valor mediano das vendas por m2 de alojamentos familiares

3.º Trimestre de 2019 3.º Trimestre de 2020
Chamusca 440 460
Golegã 653 594
Santarém 660 709
Gavião 257 236
Ponte de Sor 525 552

Fonte: INE

Ganhou o “bichinho” do jornalismo quando, no início dos anos 80, começou a trabalhar como compositor numa tipografia em Tomar. Caractere a caractere, manualmente ou na velha Linotype, alinhavava palavras que davam corpo a jornais e livros. Desde então e em vários projetos esteve sempre ligado ao jornalismo, paixão que lhe corre nas veias.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome