PUB

Médio Tejo | População com mais oportunidades de se sentar na cadeira do dentista

Onze dos treze concelhos que integram o Médio Tejo demonstraram interesse em assinar o protocolo de colaboração com a ARSLVT que implica a criação de postos de atendimento de medicina dentária na região. A decisão surgiu no seguimento da reunião do Conselho Intermunicipal da CIM do Médio Tejo desta quinta-feira, dia 13, depois de levantadas reservas quanto ao valor envolvido, na ordem dos €48.000,00 por instalação, e equacionada a partilha dos equipamentos por diversos municípios.

PUB

Os concelhos de Abrantes, Alcanena, Constância, Ferreira do Zêzere, Mação, Ourém, Sardoal, Sertã, Tomar, Torres Novas e Vila Nova da Barquinha decidiram assinar o memorando de intenção associado a um futuro protocolo de colaboração com a ARSLVT – Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo no âmbito da saúde oral. A medida foi apresentada na última reunião do Conselho Intermunicipal da CIM do Médio Tejo e implica a criação de postos de atendimento de medicina dentária na região.

O documento apresentado aos representantes dos 13 concelhos que integram a CIM do Médio Tejo fazia referência à criação de um posto em cada concelho, englobando a montagem da cadeira de dentista e os serviços de profissionais de saúde oral. Um investimento situado na ordem dos €48.000,00 por instalação, que levantou reservas por parte de alguns presidentes de câmara que consideraram o valor avultado para as autarquias, sobretudo as de menor dimensão. Nos casos em que o equipamento já existe (total ou parcialmente), como Abrantes, Mação, Ourém ou Tomar, o investimento seria menor.

PUB

Reunião de setembro do Conselho Intermunicipal da CIM do Médio Tejo. Foto: mediotejo.net

A transferência de competências do governo para os municípios neste âmbito foi criticada pelos presidentes Miguel Borges (Sardoal), Fernando Freire (VN Barquinha), Luís Albuquerque (Ourém) e Vasco Estrela (Mação), assim como pelo vice-presidente da Câmara Municipal do Entroncamento, Carlos Amaro, que referiu que o protocolo podia “abrir um precedente noutras matérias” e que a falta de informação sobre o custo-benefício podia levar a que “uma boa medida rapidamente se transforme num problema”.

Miguel Borges também levantou a questão deste protocolo ser uma “eventual tentativa” de substituição dos cheques-dentista, que começaram por se dirigir ao público infantil e foram entretanto alargados ao público adulto. Por sua vez, Ricardo Aires, presidente da Câmara Municipal de Vila de Rei, foi uma das vozes que destacaram a falta de informação sobre o processo, levando a que assinatura do protocolo surja apenas depois de esclarecidos alguns pontos junto da ARSLVT.

Entre eles encontram-se a frequência e horários de atendimento, o número de profissionais envolvidos, o local de instalação, a manutenção dos equipamentos e os custos com consumíveis. Será, igualmente, equacionada a possibilidade de se instalarem os postos de atendimento não em todos, mas em alguns municípios, permitindo a partilha pelas populações de diversos concelhos e numa ótica de rentabilizar os equipamentos já existentes na região.

PUB
PUB
Sónia Leitão
Nasceu em Vila Nova da Barquinha, fez os primeiros trabalhos jornalísticos antes de poder votar e nunca perdeu o gosto de escrever sobre a atualidade. Regressou ao Médio Tejo após uma década de vida em Lisboa. Gosta de ler, de conversas estimulantes (daquelas que duram noite dentro), de saborear paisagens e silêncios e do sorriso da filha quando acorda. Não gosta de palavras ocas, saltos altos e atestados de burrice.
PUB

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).