Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Sexta-feira, Setembro 24, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Médio Tejo | Novos circuitos de Transporte a Pedido ligam cidades da região

O programa Transporte a Pedido, da Comunidade Intermunicipal do Médio Tejo, dispõe de uma nova modalidade desde o dia 9 de dezembro, ligando as cidades da região através de ligações diretas e mais rápidas. Chama-se “Link – estamos todos ligados” e consiste num serviço de transporte flexível com ligações directas e rápidas entre as cidades de Tomar, Abrantes, Entroncamento, Fátima, Ourém e Torres Novas.

- Publicidade -

As tarifas a praticar neste serviço beneficiam de 50% desconto atribuído no âmbito do PART, com custo do bilhete a preço reduzido de 3€ e 4€ para todas as ligações entre cidades do Médio Tejo. As reservas são feitas previamente através da Central de Reservas (chamada gratuita para o número de telefone 800 209 226), até às 15:00 do dia útil anterior ao dia da viagem.

Numa primeira fase, segundo nota de imprensa da Comunidade Intermunicipal, serão criados dois circuitos: o primeiro que irá ligar Abrantes – Tomar – Ourém – Fátima; e um segundo circuito que ligará Abrantes – Entroncamento – Torres Novas – Fátima.

- Publicidade -

Esta modalidade pretende criar ligações diretas e rápidas, “com tempos de viagem próximos aos praticados pelo transporte individual”, numa lógica de expressos regionais que permitam o acesso e articulação entre sedes de concelho.

As viagens têm um custo de bilhete fixo a rondar os 3 e 4 euros, um preço reduzido tal como acontece com os serviços existentes do Transporte a Pedido no âmbito do PART – Programa de Apoio à Redução Tarifária.

Recorde-se que o PART é um programa de financiamento das autoridades de transporte para o desenvolvimento de ações que promovam a redução tarifária nos sistemas de transporte público coletivo, bem como o aumento da oferta de serviço e expansão da rede.

Já esta experiência-piloto “prevê a implementação de uma solução experimental de transportes, que favoreça a melhoria da mobilidade nas ligações entre cidades do Médio Tejo, em complemento aos serviços existentes de transporte regular de passageiros e aos serviços de transporte a pedido de âmbito municipal em operação no território do Médio Tejo”, lê-se na mesma informação.

Refira-se que o Transporte a Pedido no Médio Tejo é um projeto inovador no contexto nacional que funciona através de um sistema de reservas que são feitas através do número de telefone gratuito 800 209 226. Estas podem ser feitas de segunda a sexta-feira (exceto feriados), no horário das 9:00 às 15:00 do dia útil anterior ao que o cliente pretende viajar.

Adianta a CIMT que em breve “os utilizadores do Transporte a Pedido vão também poder reservar online as suas viagens, através do portal da CIM do Médio Tejo, em mediotejo.pt”.

Este novo passo do projeto, que visa proporcionar mobilidade mais flexível e acessível a um público cada vez mais abrangente, é cofinanciado pelo Fundo Ambiental através do Programa de Apoio à Redução Tarifária.

A experiência de trabalho nas rádios locais despertaram-no para a importância do exercício de um jornalismo de proximidade, qual espírito irrequieto que se apazigua ao dar voz às histórias das gentes, a dar conta dos seus receios e derrotas, mas também das suas alegrias e vitórias. A vida tem outro sentido a ver e a perguntar, a querer saber, ouvir e informar, levando o microfone até ao último habitante da aldeia que resiste.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome