Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Terça-feira, Novembro 30, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Médio Tejo | Municípios reduzem prazo médio de pagamentos

Entre os cerca de 50 municípios do país com prazo médio de pagamentos (PMP) superior a 60 dias, estão dois da região do Médio Tejo e mais dois do distrito de Santarém: Tomar, Sardoal, Golegã e Alpiarça.

- Publicidade -

A lista publicada pela DGAL – Direção Geral das Autarquias Locais referente ao 3º trimestre de 2017 revela que, de uma maneira geral, os Municípios têm reduzido substancialmente o prazo médio de pagamentos aos fornecedores.

Tomar continua a ser o Município do Médio Tejo que demora mais tempo a pagar, mas num ano reduziu para menos de metade esse prazo. No final de 2016 a média de atraso era de 466 dias, e os dados mais recentes revelam que demora a pagar 194 dias, cerca de seis meses e meio.

- Publicidade -

Outro Município da região que consta da lista é Sardoal, cujo prazo médio de pagamentos é de 113 dias.

Do distrito de Santarém, fazem ainda parte da lista os Municípios de Golegã (127 dias) e Alpiarça (166 dias), sendo este último o único na região que aumentou o PMP.

Conforme obriga a lei, compete à DGAL divulgar trimestralmente a lista dos municípios que tenham um prazo médio de pagamentos superior a 60 dias.

A lista mais recente tem como universo de análise 305 Municípios com informação validada. Entre os três Municípios com informação em falta ou não validada está Constância.

Municípios com prazo médio de pagamento (em dias) superior a 60 dias

Médio Tejo e distrito de Santarém

31-12-2016 31-03-2017 30-06-2017 30-09-2017
Tomar 466 407 297 194
Sardoal  115 109 118  113
Golegã 136 126 126  127
Alpiarça 147 159 163  166

Fonte: DGAL

Relativamente aos restantes municípios do Médio Tejo os dados mais recentes divulgados pela Direção-Geral das Autarquias Locais reportam-se a dezembro de 2016. Nessa altura, dos 13 municípios, apenas três estavam acima da média nacional que era de 47 dias: Tomar demorava a pagar 466 dias, Sardoal 115 dias e Entroncamento, 60 dias.

Seguiam-se Sertã (42 dias), Constância (39), VN Barquinha (32) e Ourém (21). Os municípios que no final do ano passado demoravam menos tempo a pagar eram Alcanena (9 dias), Torres Novas (8), Mação (7), Abrantes (6), Vila de Rei (4) e Ferreira do Zêzere (3).

Prazo Médio de Pagamentos (em dias) nos Municípios do Médio Tejo

  31-12-2016
Tomar 466
Sardoal  115
Entroncamento 60
Sertã 42
Constância 39
VN Barquinha 32
Ourém 21
Alcanena 9
Torres Novas 8
Mação 7
Abrantes 6
Vila de Rei 4
Ferreira do Zêzere 3

Fonte: DGAL

Ganhou o “bichinho” do jornalismo quando, no início dos anos 80, começou a trabalhar como compositor numa tipografia em Tomar. Caractere a caractere, manualmente ou na velha Linotype, alinhavava palavras que davam corpo a jornais e livros. Desde então e em vários projetos esteve sempre ligado ao jornalismo, paixão que lhe corre nas veias.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome