Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Segunda-feira, Outubro 25, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Médio Tejo | “Gestos que Salvam Vidas” com lotação esgotada no Hospital de Torres Novas

A primeira sessão do Curso de Suporte Básico de Vida Pediátrico, “Gestos que Salvam Vidas” decorreu no passado sábado, no Hospital de Torres Novas, com lotação esgotada, refere um comunicado do Centro Hospitalar do Médio Tejo.

- Publicidade -

- Publicidade -

Este projeto, desenvolvido pelo Centro Hospitalar do Médio Tejo, em parceria com a Secção Regional do Sul da Ordem dos Enfermeiros, foi considerado pelos participantes como “uma experiência de aquisição de conhecimento muito importante. Aprendemos como atuar em situações de emergência. É muito útil pois ficamos mais tranquilos e preparados para atuar em caso de acidentes com os nossos filhos ou com outras crianças”, salientou uma das formandas desta primeira sessão.

Especialmente direcionado para pais, educadores, professores ou cuidadores, o curso promove a aquisição de competências em manobras de suporte básico de vida, que podem ser utilizadas em casos de afogamento ou engasgamento de crianças.

- Publicidade -

Segundo o comunicado do CHMT “outro dos objetivos do Curso de Suporte Básico de Vida Pediátrico, ‘Gestos que Salvam Vidas’ é promover a literacia em saúde e garantir uma maior proximidade entre os cuidados de saúde e a comunidade”.

As próximas sessões, já com a lotação esgotada, decorrerão a 5 de setembro, das 17h00 às 20h30, e dia 22 de setembro das 09h30 às 13h00, na Unidade Hospitalar de Torres Novas.

“A adesão a este projeto foi de tal forma surpreendente, com a lotação de todas as três sessões, que o Centro Hospitalar do Médio Tejo irá promover novas ações de formação em Suporte Básico de Vida Pediátrico, dando continuidade ao projeto ‘Gestos que salvam vidas'”, conclui o documento.

Jornalista profissional há mais de 30 anos, passou por vários jornais diários nacionais, nomeadamente pelo 'Diário de Lisboa', 'Diário de Notícias' e 'A Capital'. Apaixonada pela profissão desde a adolescência, abraçou o jornalismo nas suas diversas áreas, desde o Desporto às Artes e Espetáculos, passando pela Política e pelos temas Internacionais. O jornalismo de proximidade surge agora no seu percurso.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome