Médio Tejo | Deputados PS questionam governo sobre amianto e requalificação de escolas

Os deputados socialistas Hugo Costa e Mara Lagriminha questionaram o Ministro da Educação, Tiago Brandão Rodrigues, sobre a retirada do amianto em algumas escolas do distrito de Santarém e ainda sobre a requalificação de alguns estabelecimentos de ensino da região.

PUB

O deputado Hugo Costa questionou o Ministro da Educação sobre a Escola Básica 2/3 Dr. Octávio Eduardo Ferreira, no Tramagal, e sobre a Escola Gualdim Pais, em Tomar, de onde está a ser retirado amianto, sem que o valor disponibilizado pelo Governo abranja, no entanto, a totalidade da intervenção.

Hugo Costa pediu ainda um ponto de situação relativamente a uma escola do Entroncamento, com mais de 30 anos, que aguarda intervenção com urgência. Lembrou ainda o caso da Escola Secundária de Alcanena, um conhecido assunto do Ministério da Educação, que tem já projeto aprovado. “Falta concretizar o contrato interadministrativo entre Governo e município”, salientou.

PUB

Já a deputada Mara Lagriminha quis saber em que ponto está a esperada obra de requalificação da Escola Secundária do Cartaxo, para a qual já existe protocolo entre autarquia e Ministério da Educação. “Trata-se de um investimento de 1,5 milhões de euros, cofinanciado, mas falta formalizar a adenda para que se possa iniciar o procedimento e respetiva intervenção”, alertou.

Mara Lagriminha questionou ainda Tiago Brandão Rodrigues em relação à Escola Secundária de Coruche, também identificada como investimento prioritário dadas as “condições de insalubridade e existência de amianto, o que representa um risco para quem lá trabalha e estuda”.

Outros esclarecimentos foram ainda pedidos pela deputada em relação à Escola Secundária Marquesa de Alorna, em Almeirim, que padece do mesmo problema e aguarda por isso uma urgente intervenção.

As três situações estão sinalizadas há muito pelo Governo e autarquias pelo que é urgente a realização das obras, “sobretudo no contexto dos processos de descentralização em curso”, salientou a deputada.

“É fundamental assegurar que nesta rede ninguém fica para trás, quer do ponto de vista do acesso, mas também da aprendizagem em escolas mais sustentáveis e eficientes e que respondam aos novos tempos em condições de salubridade e segurança para todos”, rematou.

Hugo Costa salientou que o Orçamento do Estado registou um aumento de sete por cento. “Mais investimentos e mais aposta em recursos humanos é o caminho para resolver as desigualdades que a pandemia trouxe, nomeadamente na transição digital”, enfatizou.

PUB
PUB
Mário Rui Fonseca
A experiência de trabalho nas rádios locais despertaram-no para a importância do exercício de um jornalismo de proximidade, qual espírito irrequieto que se apazigua ao dar voz às histórias das gentes, a dar conta dos seus receios e derrotas, mas também das suas alegrias e vitórias. A vida tem outro sentido a ver e a perguntar, a querer saber, ouvir e informar, levando o microfone até ao último habitante da aldeia que resiste.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).