Mau tempo | Suspensa circulação na ponte Rainha D. Amélia entre Cartaxo e Salvaterra de Magos

Devido ao mau tempo foi suspensa a circulação na ponte Rainha D. Amélia entre Cartaxo e Salvaterra de Magos. Foto: DR

A circulação na ponte Rainha D. Amélia, que liga os concelhos do Cartaxo e de Salvaterra de Magos, no distrito de Santarém, foi hoje suspensa devido ao mau tempo.

PUB

Em comunicado, os municípios afirmam que a decisão, com efeitos a partir das 11:00 de hoje, foi tomada em coordenação com a GNR e o Comando Distrital de Operações de Socorro de Santarém, dada a previsão de ocorrência de ventos fortes e do aumento da corrente do rio Tejo, devido à subida do caudal.

A nota refere que os níveis hidrométricos e os caudais do Tejo devem aumentar nas próximas horas, “devido ao inesperado e súbito início das descargas das barragens espanholas e portuguesas”.

PUB

A decisão é ainda justificada pelas “questões de segurança das fundações, pilares e estruturas de apoio do tabuleiro”, acrescenta, salientando que os presidentes dos dois municípios, Pedro Magalhães Ribeiro (Cartaxo) e Hélder Esménio (Salvaterra de Magos), “consideram a segurança das pessoas o primeiro valor a preservar”.

Segundo a nota, a circulação será reaberta “assim que estiverem garantidas todas as condições de segurança”, sendo que a situação será reavaliada pela Proteção Civil num ‘briefing’ agendado para as 21:00 de domingo.

PUB

A passagem da depressão Elsa, em deslocação de norte para sul, provocou em Portugal dois mortos, um desaparecido e deixou 70 pessoas desalojadas, registando-se até à manhã de hoje mais de 6.200 ocorrências.

Num balanço feito à agência Lusa cerca das 09:00 de hoje, o comandante Paulo Santos, da Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC), disse que foram registadas 6.237 ocorrências desde quarta-feira, afetando em especial os distritos de Porto, Viseu e Lisboa.

O responsável destacou como ocorrências principais as quedas de árvores, movimentos de terras, inundações e quedas de estruturas. O mau tempo provocou também danos na rede elétrica, afetando a distribuição de energia a milhares de pessoas, em especial na região Centro.

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) tem hoje sob aviso laranja (o segundo mais grave) 12 distritos de Portugal continental e a costa norte da Madeira devido sobretudo à agitação marítima. Leiria, Santarém e Portalegre estão sob aviso laranja também devido às previsões de precipitação forte durante a tarde.

O IPMA alertou para os efeitos de uma nova depressão, denominada Fabien, que atingirá Portugal no sábado, em especial o Norte e o Centro, estando previstos intensos períodos de chuva e vento forte de sudoeste, com rajadas que podem atingir 90 km/hora no litoral norte e centro e 120 km/hora nas terras altas.

Segundo o IPMA, os efeitos da depressão Fabien não deverão ter em Portugal continental a mesma intensidade do que os da tempestade Elsa, prevendo-se uma melhoria gradual do estado do tempo a partir de domingo.

 

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).

pub

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here