Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Domingo, Julho 25, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Mação: Projeto Transporte a Pedido pode vir a ser revisto

Entre janeiro de 2013 e novembro de 2015, o Transporte a Pedido no concelho de Mação transportou 2.673 passageiros. Vasco Estrela, presidente da Câmara Municipal de Mação, considera importante que o projeto se mantenha mas admite que possam vir a ser feitas alterações.

- Publicidade -

Ao longo destas dois anos de funcionamento do Transporte a Pedido no concelho de Mação, as paragens mais utilizadas foram as de Mação Centro (2357), Rosmaninhal (339), Martinzes (247), Serra (166) e Casal da Barba Pouca (123).

Para o presidente da Câmara Municipal de Mação, Vasco Estrela, estes valores refletem a importância social deste projeto no concelho, no entanto o autarca admite que possam vir a ser feitas algumas alterações no Transporte a Pedido.

- Publicidade -

“A exemplo de outros municípios do Médio Tejo, não coloco de parte a possibilidade de eventualmente, caso seja essa a conclusão a que cheguemos, possa vir a ser menos oneroso para a Câmara, não prejudicando os cidadãos não ter o Transporte a Pedido todos os dias da semana ou todos os dias em todos os lugares, podendo haver aqui uma repartição de dias ou por freguesias. É algo que terá de ser feito, em Ourém vão experimentar esta solução e podemos ver o que se pode aplicar a Mação”.

A Câmara de Mação paga atualmente cerca de 700 euros por mês para garantir este transporte à população que Vasco Estrela considera importante e que “faz sentido que se mantenha”.

Em novembro deste ano, foram 63 os passageiros transportados através deste sistema onde é o cliente que desencadeia a viagem, através do seu pedido para uma central de reservas.

O Transporte a Pedido no Médio Tejo é um projeto inovador no contexto nacional e pretende ser uma referência importante para a divulgação do transporte flexível para eventual replicação em outros locais do país. Tem por objetivo aumentar a cobertura da rede de transportes coletivos existente, proporcionando uma oferta em áreas e/ou períodos do dia ou ano onde esta oferta não existe ou é deficitária.

À semelhança do transporte coletivo regular, tem circuitos, paragens e horários definidos. No entanto, os serviços de transporte a pedido distinguem-se do transporte regular porque o cliente é que desencadeia a viagem, através do seu pedido para uma central de reservas. Deste modo, as viaturas só efetuam os percursos se, antecipadamente, o serviço tiver sido solicitado e só vão às paragens que tiverem reservas.Poderá consultar as alterações relativamente a horários e tarifários também no website http://mediotejo.pt/index.php/pt/transporte-a-pedido.

A reserva da viagem é feita através do número 800 209 226 de segunda a sexta das 09h às 15h (exceto feriados).

Entrou no mundo do jornalismo há cerca de 13 anos pelo gosto de informar o público sobre o que acontece e dar a conhecer histórias e projetos interessantes. Acredita numa sociedade informada e com valores. Tem 35 anos, já plantou uma árvore e tem três filhos. Só lhe falta escrever um livro.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here