- Publicidade -

Terça-feira, Janeiro 18, 2022
- Publicidade -

Mação | Obras e intervenções continuam em marcha por todo o concelho

O concelho de Mação tem a decorrer uma série de obras e intervenções que fazem parte do plano e orçamento municipal, estando a autarquia, apesar dos constrangimentos causados pela pandemia de covid-19, a tentar manter o ritmo no desenvolvimento dos projetos. A CM Mação aguarda com expectativa, num futuro próximo, o início da empreitada de requalificação do Cine Teatro da vila, cujo concurso público se encontra a decorrer. Também a implementação do projeto “Rota das Pesqueiras” com passadiços à beira-Tejo, em Ortiga, e a requalificação das piscinas municipais descobertas (que deverão entrar em obra este verão) mereceram o destaque por parte do autarca maçaense.

- Publicidade -

Segundo Vasco Estrela, presidente da CM Mação, existem já alguns projetos de maior envergadura em desenvolvimento, caso da requalificação urbana de Carvoeiro, a empreitada de construção do Centro de Atividades Ocupacionais no antigo quartel dos Bombeiros, bem como a requalificação há muito aguardada do troço da EN 3 em Envendos, conhecida como “Estrada da Vingança”.

Vasco Estrela disse ao mediotejo.net que “terá de haver mais vida para além do covid-19 e é importante que, respeitando sempre todas as regras de segurança e tudo o que são as determinações das autoridades de saúde, a vida continua”.

- Publicidade -

“Tudo temos feito para garantir que as obras são feitas ou que, como previsto, comecem este ano”, diz o presidente de CM, crendo que estas são obras que irão dar maior qualidade de vida aos maçaenses e que se reveste por isso de especial importância a sua realização.

Entre as obras em curso, a autarquia destaca a obra de requalificação da praia fluvial de Carvoeiro, na sequência da tempestade Elsa, no final do mês de dezembro de 2019, deixando a praia “fortemente danificada”. A intervenção já ultrapassa os 100 mil euros e passa pela “recuperação do sistema de recolha e drenagem de águas pluviais e delimitação de espaço destinado a ecoponto, no parque de estacionamento; reparação da vedação de madeira; reparação da calçada de granito nos acessos à praia e ao parque de merendas; reparação das pontes de madeira e execução das guardas das mesmas; reposição das lajetas de betão na bordadura da piscina e passeio contiguo e junto aos balneários; reparação da paliçada a montante da praia; execução de um sistema de abastecimento desde o açude, a montante da praia, até à piscina infantil; limpeza e reposição do sistema de drenagem das águas pluviais no caminho de acesso à praia; reparação e ampliação do muro de alvenaria de pedra a jusante da praia e reposição da areia nas áreas balneares”.

Obras de requalificação decorrem na praia fluvial de Carvoeiro, tendo em conta os muitos prejuízos causados pela passagem da tempestade Elsa em dezembro de 2019. Foto: CMM
- Publicidade -

Outra obra a decorrer e a cumprir o “grande objetivo deste mandato”, é a construção do Centro de Atividades Ocupacionais e lar residencial (CAO), que funcionará em parceria com o CRIA (Centro de Recuperação e Integração de Abrantes), tendo o protocolo sido assinado em 2017 e as obras arrancado em novembro de 2019. O edificio está a nascer da requalificação e adaptação do antigo quartel dos bombeiros, no centro da vila.

Recorde-se que está em causa uma empreitada de construção na ordem dos 700 mil euros, mas aquele equipamento tem investimento global previsto de 1 milhão de euros. O CAO servirá para dar assistência a pessoas com deficiência e suas famílias, dando oportunidade para dotá-las de capacidades e criar oportunidades no sentido de permitir a sua crescente inclusão e participação na sociedade. Poderá incluir até 50 utentes e gerar 40 postos de trabalho, segundo estimativa da autarquia.

O antigo quartel dos bombeiros está em obras, numa empreitada que visa adaptar o edifício para albergar o Centro de Atividades Ocupacionais e lar residencial dedicado a pessoas com deficiência. A autarquia espera que a obra esteja concluída este verão. Foto: CMM

Outra grande obra, aguardada com expetativa e que a autarquia espera que arranque no início do verão, é a requalificação do Cine Teatro de Mação, cujo valor deverá rondar os 700 mil euros. Esta é uma obra que se insere no PARU e que tem apoio a cerca de 50%. Decorre atualmente o concurso público.

A Câmara já contava realizar a intervenção em 2019 para requalificação integral daquele equipamento inaugurado nos anos 50, e que impulsionou o desenvolvimento local. Com um programa dedicado à sétima arte, alargado ainda a produções de teatro, o Cine Teatro de Mação atraía públicos de toda a região. Projeto dos anos 50 do século passado, foi posteriormente sujeito a obras de adaptação nos anos 80. O edifício mantém atualmente as linhas mestras e memórias da sua traça primitiva.

A intervenção irá incidir no exterior do imóvel, contemplando a consolidação dos paramentos e a execução de novas divisões, coberturas e caixilharias. Englobará ainda o aumento da plateia, o aumento da volumetria para receber uma caixa de palco adequada. Assim como tetos, paredes e pavimentos, bem como trabalhos relacionados com a rede de abastecimento de água, esgotos, segurança contra incêndios, instalação de equipamentos elétricos, climatização e rede estruturada de telecomunicações e informática.

O rés-do-chão compreende auditório, foyer com um espaço de apoio aos utilizadores, um balcão de atendimento e sanitários públicos. No primeiro piso, poder-se-ão realizar exposições, pequenos colóquios ou ações de formação.

Esta obra integra-se “no âmbito das intervenções que a Câmara de Mação pretende implementar nos edifícios e espaços públicos, recuperando-os e adaptando-os a novas valências, sob pena, se tal não for feito, de perda irreparável da parte significativa da «memória» da vila”.

Um projeto de modernização administrativa que a Câmara Municipal vai implementar em Cardigos será a Casa do Cidadão. Pretende-se ali instalar o Espaço Cidadão com acesso a serviços da administração central, mas também descentralizar serviços da Câmara Municipal e outros que possam servir a zona norte do concelho. Foto: CMM

Na freguesia de Cardigos, a autarquia pretende avançar com a instalação da Casa do Cidadão no edifício da antiga Caixa Agrícola, que foi adquirido pela Câmara e localiza-se no centro da vila. Este é um projeto na ordem dos 250 mil euros e cuja obra “terá início em breve”.

O objetivo é colocar à disposição dos cardiguenses e restantes comunidades da zona norte do concelho de Mação vários serviços a nível da administração central e administração local, com descentralização também de serviços da Câmara Municipal. “No piso térreo, pretende-se implementar um espaço de apoio ao cidadão no âmbito da modernização administrativa, prevendo-se um espaço de apoio administrativo e um espaço multiusos com o logradouro acessível a ambos os espaços. O primeiro piso contém um gabinete de trabalho e um espaço com caraterísticas para auditório e para espaço de formação/workshops”, refere a CM Mação.

Um outro projeto que vem acrescentar potencial turístico ao concelho prende-se com o desenvolvimento da Rota das Pesqueiras com construção de passadiços em Ortiga, junto ao Rio Tejo. Conta-se com um investimento de mais de 300 mil euros, sendo que o projeto já tem pareceres positivos da APA e da CCDR. A Câmara espera que o concurso seja lançado brevemente.

Destaque ainda para obras a decorrer em termos de requalificação do pavimento, entre a Estrada Municipal 597 – Troço Cruzamento da E. N. 3 – Avessada – Vale da Gama – S. José das Matas, a conhecida “Estrada da Vingança”.

Vasco Estrela referiu que se trata de “uma estrada com movimento e tem tido vários problemas em termos de segurança rodoviária, tendo histórico de alguns acidentes”. Em causa está um investimento na casa dos 170 mil euros.

A Estrada da Vingança (freguesia de Envendos), como é vulgarmente conhecida na região, está a ser alvo de requalificação, numa obra que já era há muito aguardada. Foto: CMM

Por outro lado, em conclusão estão as obras de requalificação urbana profunda na vila de Carvoeiro, e foi concluída a primeira fase da requalificação urbana de Penhascoso, com beneficiação da zona central, nomeadamente o Largo da aldeia.

Estão ainda a decorrer requalificações de pavimentação na Rua das Fábricas, em Mação, bem como no acesso a Ventosa / Carregueira, estando previsto avançar com a requalificação urbana de Aboboreira, arruamentos em Amêndoa, Cabo, Monte Fundeiro e Cimo do Vale.

Entre a listagem de projetos e intervenções futuras previstas com investimento municipal, a autarquia destaca a requalificação urbana de Aboboreira; arruamentos em Amêndoa, Cabo, Monte Fundeiro e Cimo do Vale; requalificação da estrada entre Freixoeiro – Sarnadas, em Cardigos; requalificação da Praça José de Oliveira Tavares Júnior, em Cardigos.

A autarquia salienta ainda que no âmbito do Fundo de Emergência Municipal estão incluídas obras como a recuperação dos arruamentos em Vale de Abelha, e requalificação de troços de arruamentos e vias municipais em Monte Penedo, Ribeira de Eiras e EN 3 nos Envendos.

A Câmara Municipal frisa que apesar da pandemia de covid-19 e da atenção voltada para o tema que está na ordem do dia, “a atividade da Câmara Municipal de Mação não se restringe aos trabalhos aqui referidos, sendo marcada por um excelente ritmo de trabalho e empenho que todos mantém apesar de tudo, em prol da qualidade de vidas dos munícipes”, frisando que “mesmo os serviços encerrados ao público não estão parados” e que “muito tem sido feito em áreas como a ação social, educação, desporto, cultura, apoios aos munícipes e empresários”, procurando dar respostas às necessidades.

Formada em Jornalismo, faz da vida uma compilação de pequenos prazeres, onde não falta a escrita, a leitura, a fotografia, a música. Viciada no verbo Ir, nada supera o gozo de partir à descoberta das terras, das gentes, dos trilhos e da natureza... também por isto continua a crer no jornalismo de proximidade. Já esteve mais longe de forrar as paredes de casa com estantes de livros. Não troca a paz da consciência tranquila e a gargalhada dos seus por nada deste mundo.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome